scorecardresearch ghost pixel

Concurso TRE BA: Novo edital deverá ser lançado em breve

Confira as últimas atualizações referentes ao certame, como banca organizadora, edital, cargos e remunerações.

A busca pela carreira pública povoa os sonhos de milhares de concurseiros em todo o Brasil. Determinados órgãos despertam maior atenção daqueles que dedicam horas a fio aos seus estudos. Dentre eles, encontram-se os tribunais, seja qual for a esfera.

Apostilas preparatórias: Analista Judiciário – Área: AdministrativaTécnico Judiciário – Área: Administrativa

Isso inclui os Tribunais Eleitorais dos Estados e DF. Estabilidade e boas remunerações rendem número expressivo de concorrentes em todas os concursos lançados. Com o TRE-BA não seria diferente e os interessados devem se preparar!

Inaugurado em 1938, Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) possui sua sede administrativa na capital do Estado, Salvador.

Compõem a Justiça Eleitoral da Bahia, além do TRE, as zonas eleitorais e os postos de atendimento das Centrais do Atendimento, espalhadas pelo território estadual.

Concurso TRE BA 2019

Atualmente, há a vacância de 20 cargos no Tribunal Regional Eleitoral da Bahia. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário Federal da Bahia (Sindjufe-BA), o déficit é conhecido pela direção do tribunal, razão pela qual a realização de um novo certame se torna possível.

Contudo, como ainda não houveram movimentações e notícias para a realização de um novo certame, é pouco provável que um novo concurso ocorra ainda este ano. As expectativas se tornam maiores para o próximo ano, surgindo a possibilidade de um concurso TRE BA 2020.

Concurso TRE BA 2017

O último concurso para o TRE da Bahia ocorreu em 201 e ofertou 41 vagas para os cargos de Analista Judiciário, de nível superior, e Técnico Judiciário, de nível médio. O certame teve como banca organizadora o Cebraspe (antigo Cespe) e as provas foram aplicadas no dia 20 de agosto.

Assim, as provas foram aplicadas em turnos distintos para os cargos. O certame ocorreu em três fases, sendo: Prova objetiva, prova discursiva e prova de capacidade física. Dessa forma, todas as fases do concurso ocorreram na cidade de Salvador, na Bahia.

Os cargos ofertados para Analista Judiciário foram distribuídos entre as seguintes áreas: Judiciária, Administrativa, Contabilidade, Análise de Sistemas, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Medicina, Odontologia e Psicologia.

Já para Técnico Judiciário, as áreas abrangidas foram: Administrativa, Contabilidade, Enfermagem, Operação de Computadores, Programação de Sistemas, Saúde Bucal, Eletricidade e Telecomunicações, Segurança Judiciária.

Dessa forma, as remunerações ofertadas foram de R$ 10.461,90 para as vagas de Analista Judiciário, R$ 7.424,18 para Segurança Judiciária (técnico judiciário) e de R$ 2.993,62 para Técnico Judiciário. Além das remunerações citadas, os candidatos aprovados tiveram também o acréscimo de R$ 884, referente ao auxílio-alimentação.

Por fim, os candidatos aprovados e selecionados foram convocados no dia 29 de setembro de 2017, por meio de um edital de convocação.

Concurso TRE BA 2009

O certame de 2009 foi organizado pelo Cespe/Unb e ofertou 33 vagas de contratação imediata e cadastro de reserva, sendo nove para os cargos de Analista (Medicina, Administrativo, Judiciário e Análise de Sistemas) e dez para Técnico (especialidades Administrativa, Programação de Sistemas, Segurança Judiciária e Operação de Computadores).

Os candidatos foram avaliados mediante a aplicação de provas objetivas para todos os cargos (versando sobre as disciplinas como Raciocínio Lógico, Língua Portuguesa e Noções de Informática), prática para Analista Administrativo – Taquígrafo e de capacidade física para Técnico – Segurança Judiciária. O conteúdo programático completo pode ser verificado no edital, disponível pelo link: https://goo.gl/rjxHd1.

Cargos e salários

O Concurso TRE-BA oferta vagas para a carreiras de analista (especialidades Judiciária e Administrativa) e técnico judiciário (especialidade administrativa), exigindo ensino superior (específico de Direito para analista judiciário) e médio, respectivamente. Atualizados, os salários para tais funções chegam a R$ 7.893,00 para técnico e R$ 11.921,00 para analista, já incluindo gratificações e benefícios, cumprindo carga horária de 40 horas semanais.

Ao Analista – especialidade Judiciário cabe a execução de funções ligadas a julgamentos e processamentos ou atividades de cunho superior em RH, desenvolvimento organizacional, dentre outros. Já ao técnico cabe desempenhar funções intermediárias de cunho administrativo, como RH, recursos patrimoniais, desenvolvimento organizacional, além de suporte administrativo e técnico às unidades.

Ao Analista – especialidade Administrativa cabe a execução de funções de nível superior relacionadas à administração de recursos patrimoniais, humanos, materiais, orçamentários, controle interno, desenvolvimento organizacional, dentre outras.

Ao Técnico – especialidade Administrativo cabe a execução de funções de nível médio ligadas a julgamentos e processamentos ou atividades de cunho superior em RH, desenvolvimento organizacional, dentre outros. Já ao técnico cabe desempenhar funções intermediárias de cunho administrativo, como RH, recursos patrimoniais, desenvolvimento organizacional, além de suporte administrativo e técnico às unidades.

Dicas para passar no Concurso TRE – BA

Um dos principais itens para se dar bem em um concurso é conhecer sua banca organizadora. A banca escolhida pelo concurso TRE-BA 2017 foi o Cebraspe (Cespe/Unb).

Uma das mais temidas pelos concurseiros devido ao grau de dificuldade, integra a Fundação Universidade de Brasília. No entanto, candidatos mais experientes acabam adotando o Cebraspe como sua banca favorita. Isso ocorre justamente pelo estilo das questões “certo ou errado”, reduzindo a margem para chute.

A conhecida característica de “uma errada anula uma certa” não está presente em 100% das provas aplicadas pela banca. Portanto, é preciso que o candidato fique atento ao edital. Também exigem atenção as famosas questões com “pegadinhas”. Nelas, há o emprego de termos que mudam totalmente o sentido da questão.

Dessa forma, a recomendação é praticar bastante antes da prova, além de ter conhecimento interdisciplinar e boa capacidade de interpretação.

Conteúdo das Provas

Suas provas de Português costumam ser longas e exaustivas. São cobradas atualidades aplicadas por meio de textos adaptados da internet e autores conhecidos. Dentre os conteúdos mais abordados, estão: Economia, Política, decisões recentes e gramática (pontuação, concordância, acentuação, ortografia, funções do QUE e SE).

Em Direito, a banca tem o hábito de usar como bibliografia os autores Maria Sylvia Zanella di Pietro e José dos Santos Carvalho Filho. Ademais, também é utilizado Celso Antônio Bandeira de Mello (Administrativo), Alexandre de Moraes e Gilmar Mendes (Constitucional). Além disso, Jurisprudência é conteúdo MUITO abordado nas provas.

Nas provas de Informática, é comum a presença de conceitos de Internet, Intranet, Navegador Explorer, Sistemas Linux e Windows (incluindo editores de texto e botões).

Dicas: NÃO CHUTAR! Caso não saiba a questão e a prova for do tipo “errada anula uma certa”, é preferível deixar a questão em branco. Prepare-se bastante, procurando entender o conteúdo de forma global, sem “decoreba”. Atente-se ao peso das matérias na contagem de pontos e nos critérios de desempate.

Peso das Disciplinas

Além do conhecimento da banca, é importante atentar-se ao peso das matérias constantes do conteúdo programático. Na parte dos conhecimentos específicos, todas as matérias são, normalmente, cobradas nas provas. Assim, cada uma delas carrega peso 2 em relação à pontuação. Portanto, é preciso estudar todo o conteúdo com a mesma atenção.

Uma parte que preocupa os candidatos são os critérios de desempate. No caso das provas do TRE, o primeiro critério é o fator idade, dando preferência aos maiores de 60 anos. Em seguida, é considerada a maior nota na prova objetiva de conhecimentos específicos. Ou seja, mais um motivo para estudar bem todas as matérias.

Concurso TRE-BA 2020

Como citado anteriormente, há poucas chances da realização de um certame em 2019. Isso ocorre devido ao número de vagas em aberto e da realização do último concurso em 2017. Contudo, as esperanças são maiores para a realização de um novo concurso em 2020.

Dessa forma, os interessados em participar do órgão devem iniciar a rotina de estudos com o intuito de garantir sua vaga no possível concurso TRE BA 2020.


Voltar ao topo

Deixe um comentário