O que é PIB?

A sigla significa Produto Interno Bruto, o qual é medido por três meios para demonstrar os valores dos bens e serviços produzidos durante um período determinado. Entenda como é realizada esta medição e saiba como PIB é analisado no Brasil.

Todos os bens e serviços que são produzidos dentro das fronteiras de uma região ou país corresponde ao Produto Interno Bruto, o PIB.

Para que este somatório possa ser realizado, toda a produção de um determinado período precisa ser levada em consideração. Assim sendo, o resultado obtido é usado como instrumento de análise para que seja possível verificar como se encontra a situação macroeconômica do país.

Vale ressaltar que os bens e serviços intermediários não contam. Estes servem para produzir outros bens, ou produtos que já existem. Um exemplo é a venda de carros usados.

Dessa forma, para que seja possível indicar a qualidade de vida em cada economia, existe o PIB per capita. Para se chegar a ele todo o valor do produto é dividido pela quantidade de habitante que há na região ou no país.

PIB: como ele é medido?

Há três meios de medir o PIB, as despesas, o rendimento ou a produção. Estes métodos demonstram o mesmo valor para a riqueza que foi gerada pelos agentes da economia. Entenda como funciona cada um deles:

PIB: medição pela despesa

O produto é medido por meio de todas as despesas que foram realizadas pelos agentes da economia distintos. Por isso, para realizar esta medição, alguns pontos precisam ser considerados. São eles:

  • C – despesa em consumo que acontece por meio das famílias;
  • G – despesa que acontece quando o Estado faz gastos públicos;
  • I  – despesa com investimentos que as empresas fizeram;
  • X – despesa com exportação por meio dos estrangeiros;
  • Q – despesas com importação efetuadas pelos agentes na economia.

Despesas que geram a seguinte fórmula:

PIB = C + G + I + X – Q

Todas as despesas que aconteceram em determinado período, portanto, são analisadas. No caso de Q, que diz respeito às importações, ele não conta como produto do país. Dessa forma, ele é demonstrado na fórmula como uma dedução das despesas dos agentes em produtos e serviços, os quais tem origem estrangeira.

PIB: medição pelo rendimento 

Neste caso, é levado em consideração os rendimentos que foram gerados e distribuídos aos agentes da economia. Sempre tendo um determinado período como base.

Em alguns exemplos, como no processo produtivo de uma empresa, por meio de salários dos funcionários, os fatores são remunerados e, por isso, geram rendimentos.

Assim sendo, neste cálculo precisam ser considerados os seguintes pontos:

  • S – rendimento por meio de salários;
  • R – rendimento por meio de arrendamentos;
  • L – rendimentos de lucros;
  • J – rendimento atribuído a juros;
  • A – rendimento por meio de amortizações;
  • T – rendimento ao Estado por meio de impostos indiretos, deduzidos dos subsídios à produção (Z).

Portanto, a soma geral destes fatores, em um período determinado, indicam a seguinte fórmula:

PIB = S + R + L + J + A (T – Z)

Assim sendo, se consideram como rendimentos públicos, ao somar os impostos indiretos, o que faz com que o PIB esteja a preço de mercado. Além do mais, levam em consideração também a produção que é disponibilizada no mercado.

PIB: medição pela produção

A medição do PIB, neste caso, é feita diretamente pela produção dos agentes da economia, a qual é vendida ao mercado de bens e serviços.

Dessa forma, o valor acrescentado bruto (VAB) deve ser considerado integralmente durante o período determinado. Além de serem somados aos impostos arrecadados em vendas finais e subtraídos de subsídios concedidos.

Observe a fórmula:

PIB = ΣVAB + Impostos sobre produtos e serviços líquidos de subsídios

Um dos benefícios deste método é o fato de ele não permitir que aconteça uma contagem múltipla na produção e também a distribuição de bens. Observe o exemplo abaixo sobre o processo produtivo que resulta na produção de pães:

Fases do processo produtivo Produto final (para mil kg) Valor acrescentado
Extração de trigo R$ 15,00 R$ 15,00
Produção de farinha R$ 33,50 R$ 18,50
Produção de pão R$ 49,00 R$ 15,50
Total = R$ 49,00

Dessa forma, caso houvesse dupla contagem do PIB neste exemplo, o valor alcançado seria de R$ 97,50, já que aconteceria uma sobrevalorização do produto final. O que aconteceria pelo fato de ele ser somado por completo.

PIB nominal e PIB real: relação

O PIB real analisado é o mais indicado para a realização de análises do crescimento do produto na economia. É possível realizar este estudo depois que o valor do Produto Interno Bruto é medido.

Já o PIB nominal diz respeito ao valor que é analisado, levando em consideração os preços que são correntes do período calculado. Dessa forma, tem a possibilidade, em casos de preços elevados, que o produto não tenha crescido, de fato.

Portanto, é preciso trabalhar em conjunto do PIB real, já que é por meio dele que é possível saber sobre os preços fixados dos produtos em um ano base, além da quantidade produzida no ano atual.

Assim, um deflator que serve com uma opção para o valor do índice de preços do país resultada da divisão do PIB nominal pelo PIB real.

PIB e PNB: relação

O Produto Nacional Bruto (PNB) e o PIB se diferenciam quando se trata do espaço econômico e os agentes da economia do país ou região.

Dessa forma, para o PIB, é considerado o processo produtivo que acontece dentro do próprio território. Por isso, não importa se esta produção partiu de empresas multinacionais que são instaladas no país.

Em contrapartida, o PNB leva em consideração a vinda de agentes econômicos do país, o que vale para empresas de bens e serviços que estão instaladas em outros países.

Para exemplificar melhor é possível observar como os dois acontecem no Brasil. Aqui o PIB mede a riqueza de todos que moram no país, independente de serem brasileiros ou não. Já o PNB deixa evidenciado as riquezas que são produzidas pelos agente nacionais, independente do país em que produzem.

PIB no Brasil

O Instituto Brasileiro de Geográfica e Estatística, o IBGE, é o responsável por mensurar e divulgar o Produto Interno Bruto no Brasil. O que é realizado todos os anos.

O PIB brasileiro atingiu os R$65,558 trilhões em quantidades correntes, em 2017. Enquanto isso, o PIB per capita, De acordo com o Banco Mundial, alcançou o valor de UU$ 10.888,98.

O que é PIB?
Avalie
Voltar ao topo

Deixe um comentário