Concursos PRF e PF de nível médio e salário de R$ 4 mil em análise

Novos concurso de nível médio da PF e PRF foram solicitados junto ao Ministério da Economia. Liberação pode acontecer a qualquer momento.

Tanto a Polícia Rodoviária Federal (PRF) quanto a Polícia Federal (PF) podem liberar novos editais de concursos públicos para cargo de Agente Administrativo, que exige nível médio completo, ainda este ano.

Isso porque ambas as corporações solicitaram junto ao Governo Federal a abertura de novos certames.

Confira os detalhes abaixo.

Concurso PF

A Polícia Federal confirmou que foi enviado ao Ministério da Economia a solicitação para a abertura de um novo concurso público para o cargo de Agente Administrativo, cujo salário básico é de R$ 2.279,16.

O profissionais que exercem essa função também são contemplados com gratificação de desempenho de atividade de apoio técnico administrativo no valor de R$ 2.467, totalizando R$ 4.746,16 mensais.

A função de Agente Administrativo acumula um déficit de 5.300 cargos vagos, segundo informou o presidente da Federal Nacional dos Policiais Federais (PENAPEF), Luis Antônio de Araújo Boudens. Por essa razão a expectativa para o número de vagas é alta.

Lembrando que o último concurso da Polícia Federal para Agente Administrativo aconteceu em 2013 e contou com provas objetivas de caráter classificatório e eliminatório, no valor de 120 pontos. A banca organizadora responsável foi a Cebraspe.

Concurso PRF

Já para o cargo de agente administrativo da Polícia Rodoviária Federal (PRF), é necessário que o candidato tenha diploma de conclusão de curso de nível médio (antigo segundo grau), fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo MEC, se quiser participar. Os ganhos são de R$ 4.270,77, já incluso R$ 458,00 de vale-alimentação.

O último concurso de nível médio da PRF aconteceu em 2014, sob a organização da FUNCAB. Os candidatos realizaram prova objetiva de conhecimentos específicos, de caráter classificatório e eliminatório, exame de capacidade física, avaliação de saúde, avaliação psicológica e de investigação social.

Como se preparar caso os concursos sejam realmente autorizados?

A carreira de Agente Administrativo da PF e PRF é uma das mais visadas pelos concurseiros. O motivo: o nível de escolaridade exigido (ensino médio). Contudo, isso acaba tornando-o também um dos mais concorridos.

Por isso, aqueles que buscam ingressar na corporação devem se planejar em relação aos estudos, de forma a conseguir uma boa colocação e, consequentemente, a tão almejada aprovação.

Segundo o professor Marcio Gerente, do site Projetos Missão, ambos os concursos são muito semelhantes em relação à base de conteúdos, o que aumentam as chances de ingresso.

Entre os conhecimentos exigidos, e comuns em ambos os certames, estão: Português, Matemática, Informática, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Arquivologia e Administração Pública.

Com a notícia sobre os pedidos de novos editais, é fundamental que os candidatos comecem a se preparar o quanto antes. A dica é focar inicialmente nas matérias correlatas e, posteriormente, se dedicar em conteúdos de caráter mais específico e individual de cada edital.

Lembrando que para uma boa preparação, também é necessário muita disciplina, foco e organização durante os estudos.

Leia ainda: Concurso Guarda Municipal reabre inscrições para 57 vagas de nível médio

Voltar ao topo

Deixe um comentário