FGTS de até R$ 1.045: Caixa vai liberar mais 7 lotes de saques até novembro

O calendário de depósito já foi encerrado, mas o de saque segue até o dia 14 de novembro. Nascidos entre janeiro e maio já podem retirar o dinheiro da conta.

A Caixa Econômica Federal vai liberar mais sete lotes de saques do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), modalidade emergencial. Nascidos em janeiro, fevereiro, março, abril e maio já podem retirar o benefício, de até R$ 1.045, da conta poupança social da Caixa.

Já quem nasceu entre junho e dezembro terá que aguardar mais um pouco para sacar o dinheiro. Isso porque o FGTS emergencial segue dois calendários, o de depósito e o de saque. Ambos conforme a data de nascimento do trabalhador.

Em um primeiro momento, o valor é depositado na conta da Caixa, e pode ser usado para pagamento de boletos ou compras pelo cartão de débito virtual e QR Code. Posteriormente, o dinheiro é liberado para saques ou transferências.

FGTS emergencial

Trabalhadores com contas ativas (emprego atual) ou inativas (empregos anteriores) no FGTS têm direito ao saque emergencial de até R$ 1.045. O benefício foi criado minimizar os impactos econômicos da pandemia do novo coronavírus.

O calendário de depósito já foi encerrado, ou seja, o valor do FGTS emergencial já caiu na conta de todos os trabalhadores. Contudo, quem recebeu o benefício não é obrigado a ficar com o dinheiro. De acordo com a Caixa, o beneficiário pode pedir o desfazimento do saque em até 30 dias.

Outra opção é não movimentar a conta poupança social até o dia 30 de novembro deste ano. Desta forma, o valor será devolvido à conta FGTS com a devida remuneração do período, sem nenhum prejuízo ao trabalhador.

Calendário de pagamento – Encerrado

  • 29 de junho: nascidos em janeiro
  • 6 de julho: nascidos em fevereiro
  • 13 de julho: nascidos em março
  • 20 de julho: nascidos em abril
  • 27 de julho: nascidos em maio
  • 3 de agosto: nascidos em junho
  • 10 de agosto: nascidos em julho
  • 24 de agosto: nascidos em agosto
  • 31 de agosto: nascidos em setembro
  • 8 de setembro: nascidos em outubro
  • 14 de setembro: nascidos em novembro
  • 21 de setembro: nascidos em dezembro

Calendário de saque e transferência

  • 25 de julho: nascidos em janeiro
  • 8 de agosto: nascidos em fevereiro
  • 22 de agosto: nascidos em março
  • 5 de setembro: nascidos em abril
  • 19 de setembro: nascidos em maio
  • 3 de outubro: nascidos em junho
  • 17 de outubro: nascidos em julho
  • 17 de outubro: nascidos em agosto
  • 31 de outubro: nascidos em setembro
  • 31 de outubro: nascidos em outubro
  • 14 de novembro: nascidos em novembro
  • 14 de novembro: nascidos em dezembro

Veja também: FGTS, PIS e auxílio emergencial: Quais benefícios serão pagos em 2020?

Voltar ao topo

Deixe um comentário