scorecardresearch ghost pixel



Cartão Caixa Simples é livre de anuidade e está disponível para negativados

O cartão Caixa Simples da Caixa é sem cobrança de anuidade e sem consulta ao Serasa. Confira outras vantagens do cartão de crédito.



O cartão de crédito Caixa Simples, da Caixa Econômica Federal, é para quem recebe benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e também para os servidores públicos federais. O cartão tem as mesmas facilidades dos cartões convencionais, porém não faz a consulta do CPF no Serasa e nem cobra anuidade.

Veja também: 99Pay oferece cashback de 40% para quem comprar Bitcoin pela plataforma

Para ter acesso ao cartão está entre os requisitos ter menos de 75 anos. O Caixa Simples é um cartão de crédito que permite as compras em lojas físicas e também por meio da internet. Além de tudo é um cartão de crédito internacional, que permite compras no exterior.



Caixa Simples

Entre as vantagens do cartão de crédito Caixa Simples está a não cobrança da anuidade. A taxa de juros do cartão de crédito chega a ser até três vezes menor de que um cartão convencional. Chega a no máximo 3% ao mês.

Para contratar o cartão Caixa Simples os interessados podem ir até uma agência da Caixa Econômica Federal ou também por meio do WhatsApp da Caixa, que é o 0800 726 01 04.

Os aposentados e pensionistas do INSS também podem fazer a contratação do cartão de crédito nos caixas eletrônicos. Além disso é necessário apresentar documentos pessoais, como RG, CPF, comprovante de residência e do recebimento do benefício do INSS. Já quem é servidor público precisa fazer uma pré-autorização junto à Caixa no portal SIGEPE.



Todas as compras feitas com o cartão de crédito Caixa Simples chegam numa fatura, onde os clientes têm acesso ao valor total. É preciso observar o lançamento do Pagamento Consignado, que é o repasse de 5% do provento para pagamento de parte da fatura. Ou seja, não tem o risco de atraso no pagamento.

Por outro lado, se esse pagamento consignado não estiver registrado, os clientes precisam pagar pelo menos o mínimo da fatura para não ficarem inadimplentes.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário