Concurso TRT PE – 2018: Edital divulgado com iniciais de até R$ 11 mil!

Certame TRT PE definiu a Fundação Carlos Chagas como banca organizadora e a oferta de vagas é para cargos de níveis médio e superior

O concurso do Tribunal Regional do Trabalho de Pernambuco (TRT-PE) é um dos mais aguardados e concorridos do estado. Conforme previsão do ano passado, foi divulgado um novo edital para 2018.

Confira abaixo as informações sobre o certame que deve ter as provas objetivas aplicadas no dia 29 de abril de 2018. Saiba quais são as oportunidades oferecidas, conteúdo programático, com se inscrever e mais. Adiante seu cronograma de estudos e comece a se preparar agora mesmo.

Concurso TRT-PE 2018

Está aberto o edital de concurso para o Tribunal Regional do Trabalho de Pernambuco – TRT/PE 6ª Região! As vagas são para as carreiras de Analista Judiciário e Técnico Judiciário, ambas para várias especialidades. Do total de vagas, apenas uma é para contratação imediata. As demais, são para formação de cadastro de reserva.

Os candidatos aprovados para as vagas dos cargos de Técnico Judiciário farão jus a salário inicial de R$ 7.893,00. Além deste valor, há o acréscimo de R$ 914,00, referente aos auxílios-alimentação e saúde. Servidores que tem filhos, podem receber também auxílio-natalidade no valor de de R$ 700,00.

Para Analista Judiciário, os vencimentos iniciais podem chegar a de R$ 11.007, sujeito a acréscimo das mesmas gratificações acima descritas.

O Concurso TRT PE 2018 tem a possibilidade de convocar mais candidatos do que o previsto em edital. Isso porque a Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados criou, no ano passado, 128 vagas por meio do Projeto de Lei 2641/15. O texto abrange cargos de níveis médio e superior.

Clique aqui e acesse o edital!

Concursos TRT PE 2012

O Concurso TRT PE 2012 foi organizado, também, pela Fundação Carlos Chagas (FCC) e disponibilizou 64 vagas imediatas mais cadastro de reserva nos cargos de técnico (administrativo, segurança, enfermagem, TI e Higiene Dental) e analista (judiciário, oficial de justiça, administrativo, contabilidade, biblioteconomia, arquivologia, contabilidade, jornalismo, enfermagem, engenharia, estatística, medicina, fisioterapia, psicologia, TI, serviço social e odontologia).

Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas e discursivas (para todos os cargos), além de práticas para os cargos de Analista – Arquitetura e Engenharia e Técnico – Segurança. O concurso teve validade de dois anos contados a partir de sua homologação, com possível prorrogação por igual período.

O concurso registrou 38.928 inscritos e nomeou 706 candidatos aprovados. Os cargos que mais tiveram nomeações foram os de técnico judiciário – administrativo e analista jurídico – judiciário.

Maiores informações sobre o certame podem ser verificadas em edital, acessível pelo link: https://goo.gl/2nXczh

Salários e Benefícios

O Concurso TRT PE 2018 deverá ofertar vagas nos cargos de técnico e analista, cujos detalhes seguem abaixo:

  • Técnico: formação em nível médio ou técnico, portando certificado na área de especialidade, quando requerido. Prevê remunerações iniciais de R$ 7.893,00, incluindo salário base e benefícios.
  • Analista: formação em nível superior em qualquer área ou em área específica da especialidade do cargo. Prevê remunerações iniciais de R$ 11.921,00, incluindo salário base e benefícios. Ao oficial de justiça é acrescido o valor de R$ 1.500,00 referente à gratificação.

Os servidores do TRT PE são contratados pelo regime estatuário e estão inclusos no disposto na Lei 13.317 que rege o reajuste de salários base e gratificações. Por isso, no topo da carreira, técnicos e analistas podem receber, em 2019, remunerações de R$ 11.398,00 e R$ 18.701,00, respectivamente.

Sobre a FCC

O Concurso TRT PE 2018 tem a Fundação Carlos Chagas (FCC) como banca organizadora. A banca é considerada como uma das mais difíceis pelos concurseiros. Suas questões objetivas são do tipo que pedem o item certo ou errado. O concurseiro deve se atentar, então, ao enunciado.

A banca costuma cobrar todo o conteúdo programático que consta no edital. Apesar de ser considerada como difícil, as provas costumam ter o nível de dificuldade exigido pelo cargo. Nas provas de Língua Portuguesa – normativa, aborda o domínio dos verbos.

Já na parte legal, não cobra interpretação jurisprudenciais ou doutrinárias, mas, o conhecimento explícito da lei. A parte de Informática, também, exige maior cuidado por parte dos candidatos.

Provas e conteúdo programático

Os candidatos serão selecionados por meio de provas objetivas, discursivas e práticas, sendo esta última etapa restrita a alguns dos cargos.

Confira abaixo os conteúdos de conhecimentos gerais todos os cargos de Analista Judiciário:

  • Língua Portuguesa
  • Matemática e Raciocínio Lógico-Matemático
  • Noções de informática
  • Noções sobre Direitos das Pessoas com Deficiência

Além desses conteúdos, os candidatos aos cargos de Técnico Judiciário tem no conteúdo programático questões de:

  • Legislação e ética no serviço público

O conteúdo específico das provas foi distribuído de acordo com as vagas de Técnico e Analista e as especialidades de cada uma. Todos os detalhamentos foram feitos no Anexo II do edital.

As provas serão aplicadas na capital do estado, Recife, em turnos diferentes, de acordo com o cargo pretendido.

Inscrições Concurso TRT PE 2018

As inscrições se estendem das 10h do dia 08 de fevereiro até às 14h do dia 06 de março de 2018. Para se inscrever, é preciso acessar o site da organizadora pelo endereço (www.concursosfcc.com.br). O valor da inscrição é de R$ 67,50 para os cargos de nível superior. Já para os cargos de nível médio o custo é de R$ 52,50.

Voltar ao topo



Deixe um comentário