Redesconto bancário e a taxa de redesconto

É o empréstimo que o Banco Central faz aos bancos comerciais quando estes estão com capital em falta no caixa. Entenda como funciona esta medida e o que quer dizer taxa de redesconto.

Sabe quando você está precisando daquele dinheiro e pede emprestado a alguém? Pois é, estas negociações também acontecem entre bancos e são chamadas de redesconto bancário.

O redesconto bancário acontece quando os bancos comerciais se encontram com poucos recursos e o Banco Central empresta dinheiro a eles. Esta medida é uma das táticas da política monetária do Banco Central (Bacen). A qual tem o objetivo de controlar a oferta de moeda na economia.

Dessa forma, o intuito é fazer com que a economia mantenha sua liquidez, ao mesmo tempo em que oferece capital aos bancos que precisam de capital em caixa.

Além disso, o redesconto também pode acontecer somente entre os bancos comerciais. Assim sendo, é possível tomar o dinheiro que foi apicado, ao descontar o título adquirido com outro banco.

Taxa de redesconto: O que é?

Como qualquer empréstimo realizado, o redesconto também possui juros. Assim sendo,  a taxa de redesconto é a taxa de juros que o Banco Central cobra quando empresta recursos aos bancos comerciais.

Além do mais, esta taxa serve a realização da política monetária. Isso quer dizer que quando o Banco Central quer sinalizar uma política de redução de moeda em circulação, ele aumenta a taxa.

No entanto, quando acontece o contrário e esta taxa é diminuída, quer dizer, então, que o Banco Central está estimulando a procura por capital e procurar aumentar o dinheiro em circulação.

Atualmente, a taxa de redesconto é igual a SELIC + 6% a.a para operações de um dia. Já para operações de 15 dias ela é de 4% a.a. Enquanto isso, em operações de até 90 dias, esta porcentagem é de 2% a.a.

Redesconto Bancário e Depósito Compulsório: Diferença

Tanto o redesconto bancário, quanto o depósito compulsório são duas operações que fazem parte da política monetária do Banco Central. Contudo, o que as diferencia é que a primeira oferece capital em forma de empréstimos, já a segunda retira dinheiro da economia.

Portanto, pelo depósito compulsório, o Banco Central exige que os bancos depositem parte do dinheiro que é depositado por clientes. O que deve feito em uma conta de reserva junto ao Bacen.

Saiba melhor como funciona o  Depósito Compulsório.

Redesconto bancário e a taxa de redesconto
Avalie
Voltar ao topo

Deixe um comentário