Elementos da Narrativa

Personagens, enredo, narrador, tempo e espaço são os elementos da narrativa. Veja todos os detalhes e as principais características de cada um deles.

Em grande parte dos concursos públicos os candidatos são avaliados por meio de provas objetiva e discursiva. Ainda que os textos dissertativos sejam os mais frequentes, os textos narrativos podem aparecer.

Os textos narrativos são caracterizados pela presença de uma certa estrutura, que é composta pela apresentação, complicação, clímax e desfecho. Além disso, os elementos da narrativa são um ponto imprescindível no tipo textual.

Para lembrar de todos, a dica é memorizar a palavra PENTE, que representa as inciais dos elementos:

  • P – Personagem
  • E – Enredo
  • N – Narrador
  • T – Tempo
  • E – Espaço

Vamos aos detalhes de cada um deles?

Elementos da Narrativa: Personagem

Na narrativa, todos os seres que praticam alguma ação são chamados de personagens. Uma vez que as narrativas podem ser fictícias, é importante lembrar que os personagens não ficam restritos apenas aos seres humanos. Podem ser animais, objetos, seres fantásticos e outros.

Os personagens podem ser divididos em três categorias principais:

Protagonista: está envolvido na maioria das ações da narrativa. Assim como essas ações, as experiências do protagonista constituem o foco do texto.

Antagonista: é quem vai colocar obstáculos para que o protagonista não alcance seu objetivo. Em muitas narrativas o antagonista é o vilão ou, de alguma forma, rival do personagem principal.

Coadjuvantes: são os personagens que participam de muitos momentos da história, mas que não aparecem o tempo todo. Eles servem, principalmente, para auxiliar no desenrolar da história.

Elementos da Narrativa: Enredo

Todos os elementos da narrativa são fundamentais e importantes para a construção de um texto correto. Entretanto, o enredo, também chamado de trama, é o fio condutor que une todos eles. O enredo é o responsável por dar sequência aos fatos, funcionando como um esqueleto do texto.

O enredo pode ser classificado em duas categorias:

Linear: os acontecimentos são narrados cronologicamente, organizando-se em apresentação, complicação, clímax e desfecho.

Não linear: ao contrário do anterior, não obedece uma sequência e a ordem dos fatos é invertida. Um exemplo prático é quando o narrador apresenta primeiro o desfecho a história e, ao longo da narrativa, apresenta os fatos que levaram a ele.

Elementos da Narrativa: Narrador

Uma narrativa precisa ser contada por alguém. Também chamado de “foco narrativo”, o narrador é uma parte imprescindível para o desenvolvimento do texto narrativo. No entanto, vale lembrar que narrador não é o mesmo que autor. Um mesmo autor pode assumir diferentes narradores.

O narrador pode ser classificado em três categorias:

Narrador personagem: este tipo de narrador participa da história. Pode ser tanto o personagem principal, quanto um secundário (chamado de testemunha). É um tipo de narração repleto de subjetividade, uma vez que as emoções de quem narra, e ao mesmo tempo participa, acabam por interferir na forma como texto é construído. Sempre é feito na primeira pessoa do singular (eu) ou primeira pessoa do plural (nós).

Narrador observador: como o próprio nome diz, é o narrador que conta a história a partir de seu ponto de vista. Apenas observa os acontecimentos, porém, nunca participa deles. Por não colocar suas emoções no texto, ele fica mais objetivo e imparcial. É usada terceira pessoa do singular (ele, ela) ou terceira pessoa do plural (eles, elas).

Narrador onisciente: não participa da trama, porém, conhece todos os seus detalhes, incluindo sentimentos, emoções, pensamentos e ideias dos personagens. Pode ser classificado como intruso, quando faz interferências na história – julgando ou fazendo observações -, ou neutro, quando ocupa-se apenas de relatar os acontecimentos.

Elementos da Narrativa: Tempo

Determina o recorte temporal da narrativa. Para isso, são usadas algumas marcações temporais, como por exemplo, ontem, amanhã, ano passado, naquele ano, etc.

Pode ser cronológico, quanto os fatos são narrados sequencialmente, de acordo com a ordem que aconteceram.  Também pode ser psicológico, quando o narrador não se preocupa com uma sequência ou linearidade, alternando a ordem dos acontecimentos. O tempo psicológico é determinado pela mente dos personagens, gerando um fluxo de pensamentos.

Elementos da Narrativa: Espaço

Para que uma história seja contada, ela precisa acontecer em algum lugar. Boas narrativas apresentam uma boa relação entre todos os elementos. Ou seja, o espaço não é escolhido ao acaso. A ambientação da narrativa, além de ajudar na construção do texto, ajuda o autor a transmitir aquilo que deseja passar aos leitores.

O espaço, em síntese, é um lugar onde a narrativa se passa. Pode ser físico, como por exemplo uma cidade, ou psicológico, como no interior de um personagem. Neste último caso, a narração é feita com base em um fluxo de sentimentos e pensamentos.

O físico pode ser classificado em fechado (hospital, quarto, casa, escola, sala, empresa) ou aberto (cidade, país, continente, bairro).

Elementos da Narrativa
Avalie
Voltar ao topo




Deixe um comentário