Pivotar

Dar uma "guinada" no rumo de um negócio que não está dando certo é o significado do verbo pivotar. Entenda mais sobre essa expressão muito utilizada por empreendedores

O ato de mudar os caminhos de um negócio que não estão dando os resultados esperados recebe a denominação de pivotar.

A palavra, em português, foi uma criação baseada no termo em inglês to pivot que significa girar. Dessa forma, quando uma empresa resolve dar esse giro em seus negócios, ela mantém sua base e procura novas formas de buscar outras saídas.

É como se fosse uma espécie de carrossel, que se mantém preso ao chão, mas ao girar perpassa por várias outras perspectivas.

Relação entre pivotar e as startups

As startups, que são empresas emergentes, possuem forte ligação com o termo pivotar. Os dois conceitos estão relacionados com empreendedorismo, pelo fato de colocarem ideias novas em prática.

Dessa forma, por investirem em negócios como uma forma de teste, elas estão mais expostas a riscos no mercado de trabalho. Isso pode acontecer pelo fato de o planejamento não seguir exatamente aquilo que esperavam.

Quando se trata das startups, alterar os caminhos dos negócios no meio percurso não se torna tão complexo. Isso acontece pelo fato de possuírem uma estrutura menor e, por esse motivo, serem mais flexíveis.

Exemplo

Um bom exemplo para entender como Pivotar é efetivo, é  imaginar que alguém decidiu abrir um café em uma casa antiga. O local amplo, silencioso, com internet wi-fi, um jardim grande e com itens de muita qualidade.

Entretanto, depois de algum tempo de funcionamento, o dono do estabelecimento  percebe que a sua receita não é suficiente para cobrir as despesas. Além disso,  está tendo mais gastos do que lucros.

Uma alternativa para não abrir mão totalmente do negócio, seria  fechar o café e arcar com o prejuízo desse investimento. Contudo, o empresário depois de fazer algumas análises, percebeu que o seu espaço recebe muita gente. Porém, as pessoas consomem poucas coisas.

Ao buscar o motivo da grande presença de público para tão pouco consumo, o dono do local pode perceber que o objetivo dos clientes não é aquele que ele esperava.

As pessoas frequentam o lugar para trabalhar, já que o espaço é agradável e oferece suporte para um serviço autônomo. O que não existe em outros pontos da cidade.

Dessa forma, ao entender que seu estabelecimento pode ser usado para outros fins, o dono pode pivotar a empresa. Ele tem essa possibilidade de transformar aquele lugar em um espaço de coworking, por exemplo.

Assim sendo, o empreendedor estará atendendo a uma demanda de sua região e, consequentemente, fazendo seu negócio ter um crescimento significativo.

Ele atingiu o objetivo observando a necessidade que seus clientes tinham. As quais não eram as mesmas que o empresário pensava. Assim, a empresa passou a ter um sucesso significativo. Fato que aconteceu ao transformar o café, que não obtinha êxito, em um escritório compartilhado.

Pivotar
Avalie
Voltar ao topo

Deixe um comentário