O que faz um topógrafo?

Levantamentos topográficos realizados por este profissional são essenciais para evitar erros durante a execução de obras. Salários podem chegar a R$ 6,5 mil.

O topógrafo é o profissional que realiza o levantamento topográfico em obras diversas, ou seja, ele coleta, processa e analisa dados de campo, como altitude, latitude, longitude e o tipo do terreno. Isso significa que é ele quem realiza serviços de medição, elaboração e atualização periódica de mapas, plantas e desenhos.

É ele quem faz a análise da superfície, do subsolo e do relevo natural, bem como das obras existentes na região onde a obra será executada. Sendo assim, o topógrafo irá determinar o perfil, as dimensões precisas, a localização e a configuração do terreno.

Em uma obra, a topografia é importante pois evita que ocorram erros na execução através de demarcações e nivelamento do terreno. O topógrafo, portanto, é quem converte os valores virtuais obtidos na medição em valores reais, para que a obra seja feita de forma precisa, conforme o planejamento de arquitetos e engenheiros.

Atuação

A área de atuação é muito ampla, e um topógrafo poderá exercer as seguintes funções:

  • Executar levantamentos e avaliações topográficas de áreas ou terrenos, identificando os pontos significativos do relevo e dos acidentes geográficos de um terreno
  • Realizar a Agrimensura Legal, avaliando processos de inventários, documentação legal de terrenos ou desapropriação
  • Determinar o material que deve ser utilizado em determinada construção, de acordo com as condições do terreno
  • Elaborar plantas com lista de pontos contendo cotas e coordenadas
  • Manejar os equipamentos topográficos e geodésicos
  • Realizar o nivelamento geométrico
  • Coordenar os projetos e equipes
  • Acompanhar a execução dos serviços
  • Elaborar relatórios diários de obras
  • Garantir que os produtos e serviços sob sua responsabilidade estejam de acordo com os demais processos
  • Emitir laudos para empresas privadas e de engenharia.

Desta forma, o topógrafo poderá atuar em empresas de engenharia, construção civil, saneamento, agricultura de precisão, pavimentação e telecomunicações, em empresas de vendas de softwares e equipamentos e órgãos públicos e privados. Além disso, ele também pode realizar consultoria e pesquisas.

Formação

Para se tornar um agrimensor, é necessário possuir curso técnico ou superior. No caso da formação técnica, o curso Técnico em Agrimensura tem duração de dois anos, enquanto a graduação em Engenharia de Agrimensura ou Engenharia Cartográfica dura em média 5 anos.

A grade curricular destes cursos inclui disciplinas como

  • Cálculo
  • Física
  • Desenho Técnico
  • Desenho Topográfico
  • Coleta, processamento, análise e representação de dados espaciais
  • Agrimensura
  • Topografia
  • Fotogrametria
  • Geoprocessamento
  • Georreferenciamento
  • Geodésia
  • Sensoriamento remoto
  • Cartografia

Durante o curso, o estudante terá aulas práticas em laboratório e pesquisas de campo. Ao concluir a formação, seja técnica ou superior, o profissional deverá obter o registro no Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (CREA) de seu estado.

Além da formação, o topógrafo também deve possuir conhecimentos em informática básica e facilidade para aprender novas tecnologias, já que durante o trabalho ele irá lidar com diversos aparelhos de medição e softwares para elaborar plantas e desenhos. O profissional também deve possuir um bom raciocínio espacial e matemático, especialmente com valores exatos e precisão, e habilidade para a liderança de equipes.

Quanto ganha um topógrafo?

De acordo com o Guia de Profissões e Salários do site Catho, a média salarial de um topógrafo no Brasil é de R$ 3.508,21. Dados de uma pesquisa do Sistema Nacional de Empregos (SINE) indicam que topógrafos com mais tempo de experiência podem obter ganhos de até R$ 6.500,00 mensais.

O que faz um topógrafo?
Avalie
Voltar ao topo

Notícias relacionadas

Deixe um comentário