IMTRANS de Manacapuru – AM abre concurso público

Instituto Municipal de Transportes de Manacapuru abre concurso público no Amazonas com 22 vagas em cargos de nível fundamental e médio.

O Instituto Municipal de Transportes de Manacapuru (IMTRANS) anunciou a abertura de um concurso público no Amazonas. O certame é regulado pelo edital nº 01/2018 e visa promover a admissão de 22 servidores de nível fundamental e médio.

Cargos: Assistente Administrativo, Auxiliar de Serviços Gerais, Técnico em Contabilidade, Motorista, Agente de Trânsito (Feminino e Masculino) e Vigia.

Os servidores aprovados serão remunerados com salários iniciais de R$ 1.100,00 a R$ 1.400,00, para cumprimento de cargas horárias de 40 horas por semana.

As inscrições ficam abertas no período de 2 de maio a 28 de junho de 2018, pelo site da empresa organizadora do concurso, o Instituto Merkabah: https://merkabah.selecao.net.br. As taxas cobradas serão as seguintes:

  • Nível fundamental: R$ 40,00.
  • Nível médio: R$ 60,00.

Os candidatos inscritos serão selecionados por meio de provas objetivas, cuja data de aplicação deve ser acompanhada pelo candidato no site da seleção.


O resultado do certame será publicado no Diário Oficial dos Municípios do Amazonas, afixado na sede do IMTRANS, e divulgado na internet no endereço eletrônico https://merkabah.selecao.net.br.

O concurso público tem validade pelo prazo de dois anos, sendo permitida sua prorrogação por igual tempo, a contar da homologação de seu resultado final.

O edital completo com mais informações sobre o Concurso IMTRANS de Manacapuru – AM – 2018 está disponível no seguinte link: https://goo.gl/hojCsU

[atalho nome=”apostilas-basicas”

RESUMO - IMTRANS de Manacapuru – AM abre concurso público
Orgão IMTRANS - Instituto Municipal de Transportes de Manacapuru
Quantidade de Vagas 22
Cadastro Reserva Não
Nível de Escolaridade
Salário de R$ 1.100,00 até R$ 1.400,00
Início das inscrições 02/05/2018
Término das inscrições 28/06/2018
Cargos
Localidade
Valor da Inscrição de R$ 40,00 até R$ 60,00

Veja mais sobre

Voltar ao topo

Notícias relacionadas




Deixe um comentário