Concurso Polícia Federal: Edital com 500 vagas será publicado em breve

A data de abertura do edital ainda não foi divulgada, mas será ainda este ano. Todas as vagas do concurso são para a carreira de Agente.

Está autorizado o concurso da Polícia Federal! A confirmação veio no dia 28 de fevereiro pelo ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann. Em entrevista coletiva, Jungmann anunciou a autorização de 500 vagas para a PF.

Todos os trâmites no Ministério do Planejamento já foram concluídos. Assim, em breve uma portaria deve ser publicada no Diário Oficial da União formalizando o “sim” da Presidência da República e do MPDG.

Veja mais: Publicado concurso da Polícia Federal 2018

Outras informações, como a abertura do edital, ainda não foram divulgadas. Mas a expectativa é de que o documento seja publicado ainda em 2018. Outro ponto a ser divulgado é a divisão das vagas dentro das carreiras da corporação.

Apostilas preparatórias: Delegado de Polícia FederalAgente de Polícia Federal e Agente Administrativo

Inicialmente, seriam abertas 600 vagas, e neste caso, as vagas seriam divididas entre as todas as carreiras da Polícia Federal. Entretanto, com a diminuição de 100 vagas, será contemplado apenas o cargo de Agente de Polícia Civil, que é o que necessita de maior reforço no efetivo.

Este concurso vem justamente para recompor o quadro efetivo da PF, que sofre com o déficit de profissionais. De acordo com Relatório do Conselho do Ministério Público, divulgado no final de 2017 apenas 26,5% das delegacias da PF possuem quantidade suficiente de funcionários.

Um acontecimento que preocupou os futuros candidatos do concurso, foi a troca da direção-geral da Polícia Federal. Fernando Segóvia deixa o cargo e o delegado Rogério Galloro assume o posto.

Mas de acordo com o Presidente Nacional da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), Luís Antônio Boudens, não há motivos para se preocupar. O cronograma será mantido e os preparativos para o certame devem seguir o curso normal.

Atualmente o concurso está em análise interna na Polícia Federal. O próximo passo é contratar a banca organizadora, para que finalmente o edital e o cronograma do certame sejam divulgados.

Voltar ao topo

Deixe um comentário