Concurso IFAM: Saem editais com 113 vagas para professores e técnicos

Edital abre vagas nos níveis médio, técnico e superior. Aprovados terão salário de até R$ 9,6 mil, dependendo do cargo e titularidade.

Confirmado desde outubro do ano passado, concurso Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (IFAM) finalmente está publicado!

A banca organizadora responsável pela organização do certame é o Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan).

Realizada por meio de dois editais, a seleção abre vagas nos cargos de técnico-administrativo em Educação e professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico. Enquanto a primeiro conta com 49 oportunidades, o segundo oferta 64, totalizando, então, 113 vagas.

Para a função de técnico, as oportunidades estão distribuídas de acordo com os níveis médio, técnico e superior:

Nível médio – assistente de alunos.

Nível médio/técnico – assistente em administração, técnico de laboratório – Informática e Tecnologia da Informação, técnico em agropecuária, técnico em audiovisual, técnico em edificações, técnico em eletrotécnica e técnico em enfermagem.

Nível superior – administrador, analista de tecnologia da informação, auditor, bibliotecário/documentalista, contador, médico – Clínico Geral e Psiquiatra, médico veterinário, nutricionista, pedagogo, produtor cultural, psicólogo e relações públicas.

Os aprovados terão vencimentos de R$ 1.945,07 (nível C), R$ 2.446,96 (nível D) e R$ 4.180,66 (nível E). Além dos vencimentos básicos, os servidores terão direito a percentual de incentivo à qualificação, auxílio pré-escolar (dependentes menores de seis anos) e auxílio-alimentação de R$ 458,00.

Para docentes, todas as oportunidades demandam ensino superior. Algumas das áreas contempladas foram: Biologia, Ciências Sociais, Desenho Técnico, Educação Física, Enfermagem, Filosofia, Química, Geografia, História, Medicina Veterinária, Mecânica, Recursos Naturais e Letras.

A remuneração inicial dos aprovados será paga de acordo com a titulação.

Docentes terão como benefícios auxílio pré-escolar (dependentes menores de seis anos) e auxílio-alimentação de R$ 458,00.

Inscrições concurso IFAM 2019

O período de inscrições pra o concurso IFAM 2014 ficará aberto das 14 de hoje, 25, até o dia 24 de fevereiro. As solicitações devem ser realizadas exclusivamente pela internet, através do site do Idecan.

Serão cobradas taxas de inscrição com os seguintes valores:

Técnicos-administrativos em Educação (TAE)

  • Classe C – R$ 48,00;
  • Classe D – R$ 61,00;
  • Classe E – R$ 104,00.

Docentes – R$ 120,00.

O pagamento da taxa de inscrições deve ser efetuado até o dia 25 de fevereiro.

Etapas de avaliação e conteúdo programático

Candidatos inscritos para as vagas de técnico serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório.

A avaliação, cuja aplicação está prevista para 21 de abril de 2019, será composta por 50 questões de múltipla escolha. Serão cobrados conteúdos das disciplinas de:

  • Língua Portuguesa;
  • Raciocínio Lógico;
  • Informática Básica;
  • Legislação e Ética na Administração Pública;
  • Conhecimentos Específicos.

O exame terá duração de quatro horas e será aplicado em dois turnos, na cidade de Manaus – AM.

Concorrentes aos postos de professor serão avaliados mediante aplicação de três etapas: prova objetiva, prova de desempenho didático e prova de títulos. A avaliação também será realizada em 21 de abril, porém, será constituída por 60 questões. As matérias cobradas serão:

  • Língua Portuguesa;
  • Legislação e Ética na Administração Pública;
  • Conhecimentos Pedagógicos;
  • Conhecimentos Específicos.

Aprovados e classificados na prova objetiva serão encaminhados para a fase seguinte. Aqueles que foram convocados para a prova de desempenho didático deverão apresentar da data do exame os documentos para comprovações de títulos.

Confira mais detalhes pelos regulamentos: Edital concurso IFAM 2019 – ProfessorEdital concurso IFAM 2019 – Técnico-administrativo.

O prazo de validade do certame será de dois anos, a contar da data de publicação de homologação do resultado final no Diário Oficial da União, podendo ser prorrogado, uma única vez, por mais dois anos, a critério do IFAM.

Voltar ao topo

Notícias relacionadas

Deixe um comentário