Novo saque do FGTS sai no dia 8 de novembro; Veja quem poderá receber os R$ 500!

Saque imediato do FGTS de contas ativa e inativas está sendo liberado aos poucos pela Caixa, mas todos os trabalhadores receberão ainda em 2019.

Segundo o novo calendário divulgado pela Caixa Econômica Federal, todos os trabalhadores que possuem contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), poderão fazer o saque imediato de até R$ 500 até o fim de 2019.

Antes, o primeiro calendário publicado para os não correntistas do banco previa a liberação gradual conforme o mês de nascimento do trabalhador, sendo que muitos iriam receber apenas em 2020.

Já de acordo com as novas datas, um primeiro lote saiu em 18 de outubro para os nascidos em janeiro, em 25 de outubro foi liberado saque para os nascidos em fevereiro e março, e agora no dia 8 de novembro será liberado para os aniversariantes de abril e maio sacarem. Veja o calendário completo abaixo:

Mês de Aniversário Data Início do Saque
Janeiro 18 out 2019
Fevereiro e Março 25 out 2019
Abril e Maio 08 nov 2019
Junho e Julho 22 nov 2019
Agosto 29 nov 2019
Setembro e Outubro 06 dez 2019
Novembro e Dezembro 18 dez 2019

Porém, quem possui conta poupança na Caixa já pode sacar o dinheiro que caiu automaticamente na conta. Para esses clientes os pagamentos tiveram início em 13 de setembro (aniversariantes de janeiro, fevereiro, março e abril), seguiram no dia 27 de setembro (maio, junho, julho e agosto) terminaram no dia 9 de outubro (setembro, outubro, novembro e dezembro).

Confira a seguir o calendários para quem possui conta poupança na Caixa:

Crédito Automático em Conta Poupança – Para contas abertas até 24/07/19

Mês de Aniversário Data do Crédito em Conta
Janeiro, Fevereiro, Março e Abril a partir de 13/09/2019
Maio, Junho, Julho e Agosto a partir de 27/09/2019
Setembro, Outubro, Novembro e Dezembro a partir de 09/10/2019

Para mais informações, acesse o site da Caixa Econômica Federal. 

Veja também: Confira os benefícios que serão alvos do pente-fino do INSS em 2019

Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário