FGTS: Quem tinha mais que R$ 998 e não sacou, receberá R$ 500

O saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) prossegue até o dia 31 de março de 2020. Saiba quem pode retirar R$ 998.

O saque imediato do FGTS está em andamento e prossegue até o dia 31 de março de 2020. Para saber a quantia que pode ser retirada, o trabalhador deve saber quanto tinha em sua conta vinculada ao Fundo no dia 24 de julho de 2019. Vale lembrar, se o indivíduo possuía mais que R$ 998, poderá sacar R$ 500.

Apesar disso, quem tinha até R$ 998 na data estabelecida, poderá retirar esse valor inteiro. Mas, se o cidadão tinha até R$ 998 e sacou R$ 500 anteriormente, ele poderá sacar os R$ 498 restantes. Segundo o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, mais de 10 milhões de pessoas receberão os valores complementares.

Saque FGTS

Apenas 44% dos valores liberados do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) foram retirados. De acordo com o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, essa quantia corresponde a R$ 3,70 bilhões de um total de R$ 8,60 bilhões.

De R$ 1,8 bilhões disponibilizados na primeira rodada, no dia 18 de outubro de 2019, apenas R$ 800 milhões foram retirados. Na segunda rodada, que foi efetuada no dia 25 de outubro de 2019, apenas R$ 1,4 bilhões foram sacados, de um total de R$ 3,4 bilhões. Já na terceira rodada, de R$ 3,4 bilhões, foram puxados apenas R$ 1,5 bilhões.

Leia também: Como consultar o valor disponível para o saque imediato do FGTS

Voltar ao topo

Deixe um comentário