Concurso Depen 2020 avança e tem comissão formada para 309 vagas; Salário de até R$ 5,8 mil

Próximo passo será a escolha da banca organizadora. Edital está previsto para junho com vagas para agente de execução penal e especialista federal.

Atenção, concurseiros que estão de olho no concurso Depen 2020! Mais um passo foi tomado para realização do certame: a comissão organizadora foi formada. A informação saiu no Diário Oficial da União desta terça-feira,3, com o nome dos membros.

São sete servidores que ficarão responsáveis por várias etapas do concurso, como: participar de reuniões com a banca organizadora, solicitar informações acompanhadas dos respectivos documentos específicos sobre as fases e também elaborar relatórios sobre o andamento de cada uma das fases.

Agora, com a comissão formada, o certame avança para contratação da banca organizadora. Após a empresa ser escolhida, o edital do concurso será publicado. O concurso Depen ofertará 309 vagas, sendo que 294 delas serão para agente de execução penal (nível médio) e 15 para especialista federal (nível superior).

Os aprovados no concurso poderão ser lotados em uma das penitenciárias federais, sendo que o Depen possui unidades em Campo Grande (MS), Catanduvas (PR), Mossoró (RN), Brasília (DF) e Porto Velho (RO). Porém, as lotações ainda serão confirmadas.

Edital deve sair em junho

Segundo Portaria Autorizativa do concurso e confirmação da Coordenação de Gestão de Pessoas (Cogep), o edital deve sair em junho, até dia 30. O regime de contratação será o estatutário, que garante a estabilidade empregatícia do servidor.

Nível médio: são 294 vagas para agente de execução penal. Para concorrer é necessário ter Carteira de Habilitação (CNH) na categoria ‘B’ ou superior. Os profissionais receberão salário de R$ 4.120,28.

Essa quantia é composta por vencimento básico de R$ 2.953,48, por Gratificação de Desempenho de Atividade de Assistência Especializada do Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça (GDAPEN), no valor de R$ 708,80, e R$ 458,00 de auxílio-alimentação.

Nível superior: são 15 vagas especialista federal. Os ganhos iniciais serão de R$ 5.865,70. O valor é composto por vencimento básico de R$ 4.361,30, mais a GDAPEN de R$ 1.046,40 e auxílio alimentação de R$ 458,00.

Como podem ser as provas de 2020?

Tendo como base o certame de 2015, época do último concurso Depen que teve como organizador o Cebraspe, antigo Cespe/UnB, os candidatos foram avaliados por meio de prova objetiva composta de 120 questões.

O conteúdo das avaliações foi distribuído entre 50 questões de Conhecimentos Básicos, 30 de Conhecimentos Específicos e mais 40 de Conhecimentos Específicos. Veja os conteúdos cobrados por cargo:

Agente Penitenciário

  • Língua Portuguesa
  • Atualidades
  • Noções de Ética no Serviço Público
  • Noções de Direitos Humanos e Participação Social
  • Matérias Específicas

Técnicos e especialistas

  • Língua Portuguesa
  • Atualidades
  • Noções de Ética no Serviço Público
  • Noções de Direitos Humanos e Participação Social
  • Conhecimentos Complementares para os cargos

Os candidatos as vagas de especialista tiveram ainda que preparar uma redação dissertativa com tema formulado pela banca examinadora. As outras fases da seleção constaram de avaliações de aptidão física:

  • Testes barra fixa (teste masculino);
  • Teste estático de barra fixa (teste feminino);
  • impulsão horizontal e corrida de 12 minutos (para o cargo de agente penitenciário); e
  • Teste de corrida de 12 minutos (para técnicos e especialistas).

Para mais informações, acesse:

Veja também: Tribunal de Contas da União abrirá concurso com salários de até R$ 17.371,38

Voltar ao topo

Deixe um comentário