SAIU! Edital concurso Seplag MG com 40 vagas e salário de R$ 5.451,65

É necessário ter sido aprovado no Exame Nacional do Ensino Médio 2020, para concorrer ao cargo de especialista em políticas públicas e gestão governamental.

A Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão de Minas Gerais (Seplag) abriu edital com 40 vagas para o curso de formação no cargo de especialista em políticas públicas e gestão governamental (EPPGG). É necessário ter sido aprovado no Exame Nacional do Ensino Médio, Enem 2020, para concorrer.

Os ganhos iniciais são de R$ 5.451,65 para jornada semanal de trabalho de 40 horas por semana. O regime de contratação dos servidores será o estatutário que assegura a estabilidade empregatícia aos servidores.

Etapas de seleção

A primeira etapa de seleção dos candidatos será a aprovação no Enem 2020. A segunda fase é a aprovação no curso de graduação em Administração Pública. As aulas serão ministradas pela Escola de Governo Professor Paulo Neves de Carvalho da Fundação João Pinheiro.

Conferido o diploma do curso de graduação em Administração Pública, na segunda etapa do concurso, os candidatos poderão ocupar o cargo de especialista em políticas públicas e gestão governamental.

Inscrições

Os interessados devem se inscrever para realizar o Enem 2020, as inscrições para o exame estarão abertas entre 11 e 22 de maio, pelo portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Após isso, os candidatos devem se inscrever para o concurso Seplag MG, pelo página da Fundação CefetMinas, banca organizadora. O período para cadastro é de  1º de julho a 19 de agosto.

Taxa de inscrição no valor de R$ 60, 00 será cobrada (não está incluída a taxa de participação no Enem) O pagamento poderá ser feito até 20 de agosto. Podem solicitar a isenção apenas desempregado, menor aprendiz, ou membro de família de baixa renda, inscrito no programa CadÚnico.

Para mais informações, acesse:

Veja também: Concurso PM 2020: Abertas 130 vagas para nível médio! Salário de R$ 3 mil

Voltar ao topo

Notícias relacionadas

Deixe um comentário