Concurso Anatel: Pedido de novo de edital está em análise; Veja possíveis cargos!

O último pedido de concurso feito pela Anatel aconteceu em 2018 e no ano passado ele foi complementado com 271 vagas para cargos de níveis médio e superior.

Para realização de um novo concurso em 2021, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) analisa a possibilidade de enviar um novo pedido ao Ministério da Economia. Considerando que o prazo final para encaminhamento de pedidos de novos concursos termina em 31 de maio (domingo) a solicitação da Anatel deverá ser realizada nos próximos dias.

O último pedido de concurso feito pela Anatel aconteceu em 2018 e no ano passado ele foi complementado com 271 vagas para cargos de níveis médio e superior, de acordo com a distribuição abaixo:

Nível médio: Técnico administrativo (73 vagas); Técnico em regulação de serviços públicos de telecomunicações (64 vagas). Os salários são de  R$ 7.474,67 e R$ 7.846,37, respectivamente.

Nível superior: Analista administrativo (43 vagas); Especialista em regulação de serviços públicos de telecomunicações (91 vagas). Remunerações de R$ 14.265,57 e R$ 15.516,12, respectivamente.

Todos os valores já contam com o auxílio-alimentação de R$ 458,00.

Cargos vagos da Anatel

Segundo a Assessoria de Imprensa do órgão, desde dezembro de 2019, houve uma redução no número de cargos vagos. Contudo, mesmo assim, ainda assim a falta de profissionais chega a 333.

Ele são para os cargos de Especialista em regulação (104 cargos vagos); Analista administrativo (46 cargos vagos);Técnico em regulação (84 cargos vagos); e Técnico administrativo (99 cargos vagos).

O último concurso para ingresso na Anatel encerrou a validade em 2017, e sem possibilidade de nova prorrogação. Ou seja, a agência não possui um cadastro de reserva válido para o preencher as vacâncias, o que pede um novo concurso público que deve sair em 2021.

Último concurso Anatel

O último concurso da Anatel aconteceu em 2014 com a oferta de 100 vagas, para os mesmos cargos que foram solicitados em 2018 e indicados acima.

nível médio: 20 vagas para o cargo de técnico administrativo (Administração e Comunicação); e 12 para técnico em regulação de serviços de telecomunicação.

nível superior: 20 vagas para analista administrativo (áreas de Arquitetura, Direito e Engenharia Civil) e 48 para especialista em regulação de serviços de telecomunicação (especialidades de Economia, Contabilidade, entre outras).

As etapas de avaliação foram as seguintes: provas objetiva, discursiva e de títulos. A prova objetiva contou com 120 questões, distribuídas por disciplinas de Conhecimentos Básicos (50) e Específicos (70).

Veja também: Concurso Senado Federal tem mais um avanço; Banca sai até junho!

Voltar ao topo

Notícias relacionadas

Deixe um comentário