FGTS: Caixa libera linha de crédito para antecipação do saque-aniversário

Em relação às taxas de juros, o valor cobrado é de 0,99% ao mês e de 12,54% ao ano para a operação.

Começa hoje, 27, a disponibilidade da linha de crédito para antecipação do saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Pela nova modalidade, os trabalhadores que aderiram à sistemática de retirada anual (e no mês de aniversário) do benefício poderão antecipar os valores utilizando de empréstimos.

A quantia mínima é de R$ 2 mil e corresponde à precipitação de até três parcelas, ou seja, daquilo que o cidadão receberia em três anos pelo modelo de saque.

Em relação às taxas de juros, o valor cobrado é de 0,99% ao mês e de 12,54% ao ano. O percentual é considerado baixo para operações envolvendo pessoas físicas, sendo comparado inclusive com as taxas cobradas em empréstimos consignados.

Primeiros passos

Após optar pelo saque-aniversário, o trabalhador deve acessar o aplicativo “FGTS” e tocar na opção “Autorizar bancos a consultarem seu FGTS”. Depois disso, basta selecionar a instituição financeira pela qual deseja obter a antecipação do benefício. Todo o processo poderá ser feito digitalmente, sem que haja a necessidade de ir a uma agência bancária.

Quem é correntista Caixa Econômica Federal pode clicar na opção da estatal. No caso de usuários de outros bancos, o processo é mesmo; nesses casos, o usuário deve verificar a disponibilidade junto ao banco antes da solicitação. A partir daí, é necessário aguardar a consulta ao saldo do fundo pela empresa escolhida. A expectativa é que mais de 1 milhão de clientes participem da ação.

Como realizar a antecipação do saque-aniversário?

Realizada a habilitação, quem é correntista da Caixa deve seguir os seguintes passos:

  1. Acessar o Internet Banking Caixa, pelo site ou smartphone;
  2. Em seguida, é preciso selecionar a opção “Crédito”;
  3. O próximo passo consiste na escolha da aba “Antecipação Saque-aniversário do FGTS”;
  4. O usuário deve informar os valores e períodos a serem antecipados;
  5. Após verificar o resultado da simulação, o beneficiário precisa assinar eletronicamente a autorização da contratação e pronto.

Importante: o procedimento acima é válido para contratações feitas pela Caixa. Isso porque a instituição foi a primeira a anunciar a opção. Nesse caso, cada banco deve oferecer um protocolo de contratação específico para as antecipações.

Leia ainda: Caixa anuncia que vai usar Whatsapp para desbloquear auxílio de R$ 600 e FGTS

Voltar ao topo

Deixe um comentário