Saiba como evitar que sua aposentadoria pelo INSS seja negada

Vários fatores podem contribuir para que sua aposentadoria seja negada. Se você passou por essa situação, confira agora como evitá-la.

Existem vários motivos que levam o Instituto Nacional Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a negar pedidos de aposentadoria. Esses fatores podem variar desde a documentação incompleta, até mesmo ao tempo insuficiente de contribuição.

Dessa forma, caso você esteja passando por essa situação, é importante buscar orientações profissionais com um Advogado Previdenciário, que te auxiliará a conseguir o seu benefício corretamente.

Como evitar que a aposentadoria do INSS seja negada

São vários os fatores que contribuem para que o INSS negue um pedido de aposentadoria. Confira os principais:

Tempo de contribuição insuficiente

É muito comum que os trabalhadores entrem com o pedido antes da hora, o que se calcula tempo insuficiente para aposentadoria. Nesse caso, enquadram-se principalmente os autônomos e pessoas que trabalharam em regime privado ou público.

Por isso é importante planejar a aposentadoria com o auxílio de um advogado, pois, além de ter o cálculo correto, será possível conferir quais atividades do segurado podem contar na hora de calcular o tempo de contribuição.

Documentação incompleta

A documentação pode variar de acordo com o tipo de aposentadoria. Por exemplo, na aposentadoria rural é necessário entregar documentos que comprovem essas atividades.

Enquanto isso, na aposentadoria especial, é exigida a comprovação de agentes perigosos e insalubres. Nesse caso, além dos documentos gerais, podem ser solicitados outros.

Com essas variedades de documentos a serem entregues, é possível que alguns fiquem em falta e, consequentemente, a aposentadoria será negada.

Rasura na documentação 

Os dados registrados em sua carteira de trabalho, principalmente as datas de emissão e demissão, podem gerar consequências na hora de solicitar a aposentadoria.

Caso estejam ilegíveis, é possível que o INSS calcule errado o tempo de contribuição, o que poderá afirmar que a pessoa ainda não pode se aposentar.

Erro na análise

É possível que o INSS erre na hora de analisar o cálculo do benefício. Com isso, as pessoas que solicitaram a aposentadoria, na maioria das vezes, continuam trabalhando sem necessidade.

Nesse caso, é importante contratar um advogado para que ele analise todo o procedimento e corrigir caso existam erros. Se o INSS realmente negou o pedido incorretamente, é necessário buscar outros meios legais para conseguir o direito.

Falta de recolhimento por parte da empresa

Se a empresa que você trabalhou não realizou corretamente o recolhimento das contribuições, o tempo não será registrado e com isso, o pedido de aposentadoria será negado.

Nesse caso, é necessário comprovar que você trabalhou na empresa, através da carteira de trabalho e de contracheques. Então, o problema deverá ser resolvido pelo próprio local.

Leia também: Benefício negado? Veja como recorrer da decisão no INSS durante a pandemia

Voltar ao topo

Deixe um comentário