scorecardresearch ghost pixel

FGTS: Divulgado calendário 2021 do benefício com adicional de até R$ 2.900

Casos em que o recurso não é resgatado, faz-se a devolução automática do dinheiro para a conta vinculada ao Fundo.

O saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) já teve o calendário 2021 divulgado, assim como os pagamentos para os beneficiários que aderiram à modalidade em troca da opção quando há demissão sem justa causa (rescisão).

De acordo com a Caixa Econômica Federal, instituição responsável pelos repasses, cerca de 9,7 milhões de trabalhadores se inscreveram no saque-aniversário, que permite retiradas anuais ao saldo do Fundo no mês de aniversário.

O período de saque do dinheiro tem início no primeiro dia útil do mês de nascimento do beneficiário e segue disponível até o último dia do segundo mês subsequente. Nascidos em janeiro, por exemplo, têm até 31 de março para fazer as retiradas. Casos em que o recurso não é resgatado, ele retorna automaticamente para a conta do FGTS.

Calendário saque-aniversário FGTS 2021

Observe a seguir o cronograma oficial do benefício divulgado pela Caixa:

Mês do aniversário Data de saque
Janeiro De janeiro a 31 de março
Fevereiro De fevereiro a 30 de abril
Março De março a 31 de maio
Abril De abril a 31 de junho
Maio De maio a 30 de julho
Junho De junho a 31 de agosto
Julho De julho a 30 de setembro
Agosto De agosto a 29 de outubro
Setembro De setembro a 30 de novembro
Outubro De outubro a 31 de dezembro
Novembro De novembro de 2021 a 31 de janeiro de 2022
Dezembro De dezembro de 2021 a 28 de fevereiro de 2022

Fonte: Caixa Econômica Federal

Valor do FGTS

O trabalhador que aderir ao saque-aniversário do FGTS poderá sacar um percentual do saldo do FGTS, todos anos, acrescido de parcela adicional, que pode variar de R$ 50 a R$ 2.900, conforme o limite disponível. Confira a tabela abaixo:

Limite das faixas de saldo (em R$) Alíquota Parcela Adicional (em R$)
Até 500 50,0%
De 500,01 até 1.000 40,0% 50
De 1.000,01 até 5.000 30,0% 150
De 5.000,01 até 10.000 20,0% 650
De 10000,01 até 15.000 15,0% 1150
De 15.000,01 até 20.000 10,0% 1.900
Acima de 20.000,01 5,0% 2.900

Fonte: Caixa Econômica Federal

Atenção: quem migrar para o saque-aniversário do FGTS e decidir voltar à sistemática de saque rescisão, quando há demissão sem justa causa, pode solicitar a reversão a qualquer momento. A mudança surtirá efeito a partir do 1º dia do 25º mês da solicitação.

Além disso, segundo a Caixa, aos optantes pelo saque-aniversário é permitida a movimentação da conta do FGTS em situações previstas em Lei, como compra da casa própria, doenças graves, aposentadoria, calamidade pública, etc.

Leia ainda: Até R$ 2.000! Veja quem pode receber o novo crédito liberado pelo FGTS


Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário