scorecardresearch ghost pixel

Tem saldo no FGTS? Caixa libera saque digital por aplicativo; Confira

Trabalhador precisa informar ao banco uma conta de sua titularidade, independente da instituição, durante o processo.

A Caixa Econômica Federal oferece aos trabalhadores uma nova ferramenta para sacar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Com mais conforto, comodidade, agilidade e segurança, o beneficiário não precisa sair de casa para resgatar o dinheiro.

Isso porque tudo acontece de maneira 100% digital. Basta acessar o aplicativo FGTS, consultar os valores que foram liberados por alguma das modalidades disponíveis e dar início à solicitação de saque. Para isso, o trabalhador precisa informar ao banco uma conta de sua titularidade, independente da instituição.

Quem pode optar pelo saque digital do FGTS?

A funcionalidade é destinada para todos os cidadãos que se enquadram em uma das modalidades de saque do FGTS previstas em lei e, ademais, possuam valor liberado para retirada. Veja algumas situações a seguir:

  • Demissão sem justa causa pelo empregador,
  • Término do contrato por prazo determinado;
  • Rescisão por falência, falecimento do empregador individual, empregador doméstico ou nulidade do contrato;
  • Rescisão do contrato por culpa recíproca ou força maior;
  • Aposentadoria;
  • Necessidade pessoal, urgente e grave, decorrente de desastre natural causado por chuvas ou inundações que tenham atingido a área de residência do trabalhador;
  • Suspensão do Trabalho Avulso;
  • Falecimento do trabalhador;
  • Idade igual ou superior a 70 anos;
  • Portador de HIV – SIDA/AIDS (trabalhador ou dependente);
  • Neoplasia maligna (trabalhador ou dependente);
  • Estágio terminal em decorrência de doença grave (trabalhador ou dependente);
  • Permanência do trabalhador titular da conta vinculada por três anos ininterruptos fora do regime do FGTS, com afastamento a partir de 14/07/1990;
  • Aquisição de casa própria, liquidação ou amortização de dívida ou pagamento de parte das prestações de financiamento habitacional;
  • Entre outras situações.

Como é feito o saque digital do FGTS?

O primeiro passo é fazer o download do Aplicativo FGTS no aparelho celular ou dispositivo com um dos seguintes sistemas instalados: Android ou iOS. Em seguida, o trabalhador deve logar na plataforma utilizando seus dados pessoais para conferir os valores disponíveis para saque.

Então, a partir daí, basta ele indicar uma conta na Caixa ou em qualquer instituição bancária para receber os recursos. Tudo sem a cobrança de qualquer custo adicional pela operação. O dinheiro ficará disponível contados 5 dias úteis após a realização da transferência.

Pelo Aplicativo FGTS, o trabalhador pode ainda fazer upload de documentos (quando necessário), além de acompanhar em tempo real todas as etapas de saque do dinheiro, desde a solicitação à liberação das quantias para resgate.

Leia ainda: Caixa vai liberar novo crédito de R$ 100 a R$ 1.000; Veja como funciona


Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário