scorecardresearch ghost pixel



85 mil pessoas são convocadas para atualização do auxílio-doença

O prazo final para o agendamento da perícia é 11 de novembro de 2021. Após essa data os benefícios serão cancelados.



Infelizmente, todo mundo fica doente. Entre diversos problemas médicos, os trabalhadores podem ter dias em que não podem trabalhar. Nessas situações, o INSS oferece o auxílio-doença aos empregados. Mas, que é auxílio-doença?

Veja também: Como ter o cadastro aprovado no Auxílio Brasil? Saiba os critérios

O auxílio-doença (também chamado de licença médica remunerada ou dias remunerados por doença) é o período de folga remunerada que os funcionários recebem quando se ausentam do trabalho por motivo de doença, lesão ou invalidez. Por meio de licença médica remunerada, um funcionário recebe seu salário integral ou parte de seu salário quando está doente.



Então, o que é considerado tempo de doença? Os motivos de qualificação para o pagamento de doença podem incluir:

  • Doença, lesão ou condição de saúde.
  • Cuidados médicos preventivos.
  • Diagnóstico médico.
  • Cuidados ou tratamento de doenças físicas ou mentais.
  • Cuidar de um membro da família que está doente ou ferido.

INSS

O Instituto Nacional do Seguro Social – INSS anunciou uma grande convocação de beneficiários do auxílio-doença. De acordo com edital publicado no Diário Oficial da União, o instituto convocou mais de 85 mil pessoas para realizar a perícia médica.



Todas as pessoas que precisam fazer a perícia foram listadas em ordem alfabética no edital.  De acordo com as informações do INSS, os convocados deve acessar o site ou aplicativo Meu INSS e clicar na opção “Agendar Perícia”. O serviço também pode ser realizado na Central Telefônica 135.

O prazo final para o agendamento da perícia é 11 de novembro de 2021. Após essa data os benefícios serão cancelados. O edital de convocação foi utilizado pois as cartas de convocação enviadas foram devolvidas pelos Correios pela não localização dos beneficiários.

Os segurados precisam levar atestados e os demais documentos para que possa ser aprovada a perícia médica.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário