scorecardresearch ghost pixel



Aposentadoria fica mais fácil em 2022 com lançamento do PPP digital

Documento obrigatório para solicitação da aposentadoria ficará disponível pela internet a partir de janeiro.



Solicitar a aposentadoria especial do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) deve ficar mais simples em 2022. A partir de janeiro, o Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP) terá obrigatoriamente que ser disponibilizado na internet pelas empresas.

Leia mais: MEI: Quais direitos e benefícios você pode perder ao se tornar empreendedor? 

Embora o documento não garanta a concessão do benefício, o processo vai facilitar a vida de quem precisa dele para dar entrada no pedido. Os segurados poderão consultar o PPP direto pelo site ou aplicativo Meu INSS.

O PPP reúne informações sobre exposição do trabalhador à insalubridade ou periculosidade, dados essenciais para quem quer solicitar a aposentadoria especial. Esse histórico laboral comprova que a pessoa ficou exposta a agentes nocivos à saúde e à vida, e por quanto tempo isso ocorreu.



Como vai funcionar?

Por ser um documento individual, a empresa precisa elaborar um PPP para cada funcionário, de acordo com as funções exercidas por ele. Os datas também devem estar corretas, já que são importantes na análise que dá direito ao benefício especial.

A implementação será feita de forma gradativa. Até o dia 3 de janeiro, cerca de 13 mil grandes empresas terão que fornecer o PPP digital. Companhias de outros portes terão até o dia 10 do mesmo mês, enquanto órgãos públicos e organizações internacionais poderão disponibilizar o documento até 11 de julho de 2022.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário