scorecardresearch ghost pixel



Por que beber água nas refeições pode engordar? Entenda o que acontece dentro de você

Não apenas água, mas o consumo de qualquer outro líquido com a comida tem potencial de ajudar a pessoa a engordar. Veja quais são as dicas e o que deve ser feito.



Pode beber água enquanto come? Aliás, será que podemos beber qualquer líquido enquanto comemos? Estas são dúvidas muito comuns entre todas as pessoas ligadas a dietas ou que estão tentando emagrecer. Certamente, você já ouviu falar que tomar água ou outra bebida junto com a comida engorda mais. O mais intrigante de tudo é que a resposta para esta pergunta é sim.

Veja também: Frutas do verão: 5 melhores opções para emagrecer e aumentar imunidade

Por que beber água com a comida ajuda a engordar?

Afinal, se a água é um líquido hipocalórico e que não oferece riscos de ganho de peso, como é que ela pode ajudar a engordar? O que ocorre não é que a água em si é o problema, mas sim o fato de ser tomada junto com a comida. Isso faz com que seu estômago fique “super lotado” e seja mais dilatado. Na próxima refeição, você tende a consumir mais comida, pois o espaço interno será maior.



Isso não vale apenas para a ingestão de água. Qualquer outra bebida tem o mesmo efeito, a diferença é que sucos e álcool, por exemplo, são bem mais calóricos. Então, não apenas aumentam a elasticidade do estômago, como também acrescentam calorias à refeição.

O que deve ser feito para não engordar com líquidos?

A melhor forma de ingerir líquidos durante as refeições é fazer isso com um tempo de antecedência. O recomendado é consumir água 30 minutos antes das refeições ou 2 horas depois. Isso evita aumentar o espaço do estômago para que o líquido se acomode junto com a comida.

Vale ressaltar que refrigerantes e bebidas gaseificadas ajudam a distender ainda mais as paredes do estômago. O álcool também é outro problema, já que é consumido em grandes quantidades e se caracteriza como uma bebida hipercalórica. Mais do que isso, o álcool inibe funções do cérebro que controlam os impulsos. Este efeito, por consequência, fará você comer bem mais do que deveria ou do que precisaria comer para se alimentar bem.




Voltar ao topo

Deixe um comentário