scorecardresearch ghost pixel



Nota de R$ 1 fica rara e colecionadores pagam um bom valor por ela

Conheça o modelo de cédula de um real considerado "valioso" entre os colecionadores e que hoje vale uma boa quantia em dinheiro.



Muitos brasileiros acabam encontrando por acidente dinheiro há muito tempo perdido, seja em algum canto da casa ou no fundo da carteira. Dependendo do “achado”, é possível conseguir uma boa remuneração, como no caso da cédula de R$ 1, que ficou rara e hoje vale muito.

Leia mais: Ficou rara: Nota de R$ 5 com ‘defeito’ pode valer até R$ 2 mil

No universo numismático, dos colecionadores de moedas e cédulas raras, uma nota de R$ 1, impressa em 1994 pela Casa da Moeda do Brasil, ganhou posição de destaque na coleção, sendo difícil de encontrar e, portanto, tornando-se rara.

Lembrando que desde 2005 não são mais emitidas cédulas de R$ 1 no país. Apenas moedas com valor de R$ 1 seguem em produção.



O que torna uma nota ou moeda rara?

De acordo com os numismatas, que são os estudiosos em cédulas e moedas antigas, ou apenas colecionadores e vendedores desse tipo de material, existem algumas características que ditam o valor de uma peça. São elas:

  • Quantidade em que a peça foi feita;
  • Estado de conservação do item; e
  • Demanda do mercado.

Para se ter uma ideia, existem moedas do Império que hoje em dia valem poucos reais. O motivo é que elas foram impressas em grande quantidade, o que as torna pouco atrativas aos colecionadores.

Nota de R$ 1 fica rara no Brasil: Saiba o quanto ela pode valer hoje

Dentre as cédulas “antigas” de R$ 1, de cor verde, com desenhos da Efígie da República e de um beija-flor, existe uma que atrai a atenção dos colecionadores de moedas. A peça é uma das mais escassas da série desse valor e pode ser difícil de encontrar.



O item em questão é a nota de R$ 1 que tem junto à numeração as letras BA e é assinada por Pedro S. Malan e Gustavo J. L. Loyola. Elas fazem parte das séries que vão de 0001 até 0072. Atualmente, quem encontrar uma dessas em “flor de estampa” (ou seja, em bom estado de conservação) pode vendê-la por um preço em torno de R$ 275.

Confira a imagem dessa versão a seguir:

Cédula de R$ 1 rara que contém as letras BA e as assinaturas de Pedro S. Malan e Gustavo J. L. Loyola.

Resumindo: quando você se deparar com essa peça, saiba que ela é valiosa e pode ser vendida por um bom preço. Essa, inclusive, é a nota de R$ 1 que mais interessa aos compradores. As demais cédulas do Real não valem muito além do seu valor de face, variando entre R$ 10 e R$ 95.




Voltar ao topo

Deixe um comentário