scorecardresearch ghost pixel



Trabalhadores podem sacar até R$ 3,9 mil do FGTS em maio

Brasileiros com saldo nas contas do FGTS podem participar de duas modalidades de saque nos próximos meses.



O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é uma espécie de poupança dos trabalhadores que atuam com carteira assinada. A diferença é que esse saldo só pode ser retirado em casos previstos por lei, ou em liberações extraordinárias como a que está ocorrendo agora.

Leia mais: Aprenda a emitir a 2ª via do CPF e RG de graça

O governo federal autorizou o saque extraordinário de até R$ 1 mil do FGTS para cerca de 42 milhões de brasileiros. Basta ter dinheiro nas contas vinculadas e não ter usado os recursos em operações de crédito com garantia.

Além disso, quem é optante do saque-aniversário também pode sacar parte do fundo de garantia. Nessa modalidade, o trabalhador tem direito a retirar um percentual do seu saldo acumulado todos os anos, sempre entre o mês de seu nascimento e o segundo mês subsequente.



 

Quem tem direito aos dois pode garantir mais de R$ 3,9 mil nos próximos dias, somando os R$ 1 mil do saque extraordinário e os R$ 2,9 mil da parcela adicional fixa paga no saque-aniversário. Isso sem contar o valor do própria retirada.

Saque extraordinário do FGTS

A Caixa Econômica Federal autoriza os resgates de acordo com o mês de nascimento do cidadão. Todos os grupos têm até 15 de dezembro para retirar o dinheiro. Confira o calendário completo:

Mês de nascimento Data do crédito
Janeiro 20 de abril
Fevereiro 30 de abril
Março 4 de maio
Abril 11 de maio
Maio 14 de maio
Junho 18 de maio
Julho 21 de maio
Agosto 25 de maio
Setembro 28 de maio
Outubro 1º de junho
Novembro 8 de junho
Dezembro 15 de junho



 

Saque-aniversário

Essa é uma opção ao saque-rescisão, que libera o FGTS integral em caso de demissão sem justa causa. Quem escolhe fazer parte do saque-aniversário pode retirar um percentual do saldo todos os anos, além de uma parcela adicional de até R$ 2,9 mil. Veja os valores na tabela:

Faixas de saldo do FGTS Alíquota Parcela adicional fixa
Até R$ 500 50%
R$ 500,01 – R$ 1 mil 40% R$ 50
R$ 1.000,01 – R$ 5 mil 30% R$ 150
R$ 5.000,01 – R$ 10 mil 20% R$ 650
R$ 10.000,01 – R$ 15 mil 15% R$ 1.150
R$ 15.000,01 – R$ 20 mil 10% R$ 1.900
Acima de R$ 20.000,01 5% R$ 2.900




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário