scorecardresearch ghost pixel



Em 10 anos, os novos iPhones podem chegar a R$ 80 mil

Se imaginar a mesma progressão de preços que ocorreu entre 2012 e 2022, o brasileiro que quiser um smartphone da Apple vai precisar desembolsar uma grande fortuna.



O tempo passa rápido e poucas pessoas percebem as diferenças que são geradas ao longo de uma década. Porém, os preços de vários produtos sofreram alterações relevantes se forem comparados com os que eram aplicados há 10 anos. Para se ter noção do impacto financeiro, algumas projeções apontam que o preço dos iPhones pode chegar a R$ 80 mil em apenas 10 anos.

Veja também: 17 novidades que a Apple lançou com o iOS 16 no sistema do iPhone

Por que os novos iPhones podem ser tão caros assim?

Primeiramente, entenda que se trata apenas de projeções comparativas com o que ocorreu no passado recente. Isso significa que não existe nenhum pronunciamento oficial ou qualquer tipo de certeza sobre o preço dos novos iPhones do futuro.



Porém, em 2012 a Apple lançava o iPhone 5, com preço sugerido de 199 dólares a sua versão com 16 Gb de armazenamento. O smartphone topo de linha, com 64 Gb era vendido por 399 dólares. Atualmente, 10 anos depois, o iPhone 13 Pro Max varia o seu preço entre 1.099 dólares e 1.599 dólares, isso na data de lançamento do produto.

Na prática, a diferença entre os modelos antigos e os novos iPhones atuais é de 452%. Se a mesma taxa de progressão for aplicada para o futuro, em 2032 os novos iPhones poderiam custar algo em torno de 6.069 dólares. Porém, dependendo da configuração do aparelho, o seu valor pode ser bem maior.



iPhone no Brasil sempre foi mais caro

Vale destacar que os iPhone sempre foram mais caros no mercado brasileiro. Em 2012, um iPhone 5 custava R$ 2.399. Atualmente, o modelo 13 sai por R$ 15.499. Isso quer dizer que, se seguir a variação da última década, daqui 10 anos, o aparelho topo de linha poderá custar R$ 79.974.

Como mencionado no início, esses valores são oferecidos como curiosidades, já que não dá para saber o que o futuro reserva.  No entanto, as chances de aumentar expressivamente de preço é algo bem palpável sobre novos iPhones no Brasil.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário