scorecardresearch ghost pixel



Lucro do FGTS de R$ 12 bi vai ‘engordar’ contas dos trabalhadores; veja quando sai

Entenda mais sobre a distribuição dos ganhos do fundo aos trabalhadores, quem vai receber e quando serão feitos os depósitos.



Trabalhadores com contas no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) podem incrementar o saldo acumulado com o processo de distribuição do lucro do FGTS. A previsão é que sejam repassados aos brasileiros elegíveis a quantia de R$ 12 bilhões.

Leia mais: Ainda não sabe consultar e sacar o FGTS extraordinário? Aprenda agora!

Segundo estimativas oficiais, o dinheiro já tem data de repasse programada: até o final de agosto deste ano. A Caixa Econômica Federal pretende divulgar até julho, mês que vem, o resultado dos ganhos do FGTS de 2021.

Valor do lucro do FGTS

Antes de mais nada, é importante destacar que a distribuição do lucro do FGTS não abrange todo o valor arrecadado no ano passado, mas apenas um percentual dele. Em 2021, por exemplo, foram repassados R$ 8,1 bilhões, o equivalente a 96% do lucro líquido de 2020.



Sobre isso, o total a ser repartido aos cotistas será definido pelo Conselho curador do Fundo de Garantia, colegiado composto de trabalhadores, representantes do governo e empresários. Eles são os responsáveis por determinar a quantia a ser repassada.

Quem vai receber o lucro do FGTS?

Possuem direito ao lucro deste ano os trabalhadores que tinham saldo nas contas vinculadas ao FGTS em 31 de dezembro de 2021. O valor pago é proporcional ao saldo de cada pessoa cotista.

Depois que o dinheiro é depositado, ele é incorporado ao saldo do FGTS, podendo ser sacado apenas mediante as devidas modalidades de resgate do fundo, como em caso de demissão sem justa causa, aposentadoria, saque-aniversário, doenças graves, compra da casa própria e mais. A distribuição do lucro do FGTS é feita pela Caixa Econômica Federal.




Voltar ao topo

Deixe um comentário