scorecardresearch ghost pixel



Motoristas estão sofrendo golpes nos postos de combustíveis; saiba como evitar

Pode ser difícil para o motorista acreditar que além de precisar lidar com os preços atuais dos combustíveis, ele pode ser vítima de golpes comuns em alguns postos. Veja quais são eles e como se prevenir.



Tem quem diga que o brasileiro não tem um dia de paz. Em muitas situações, fica fácil perceber que essa frase faz mais sentido do que parece. Você sabia que além dos altos preços dos combustíveis, os motoristas devem se preocupar também com os golpes que estão sendo dados nos postos de combustíveis?

Leia mais: Receita alerta sobre golpe da falsa regularização do CPF

Se você pensa que o cuidado é apenas na checagem do combustível de procedência, a partir de agora outros fatores também vão chamar a sua atenção, pois é preciso ficar muito atento para evitar cair em fraudes ao abastecer. Você verá que são exemplos simples e que certamente conhece alguém que deve ter sido vítima de algum deles.



Golpes nos postos de combustíveis

Os golpes nos postos de combustíveis de dão quase sempre por meio da venda de produtos e serviços que são desnecessários para o cliente. Entre eles, está a famosa troca de óleo.

Muitos motoristas sequer imaginam isso, mas alguns proprietários de postos em vários estados brasileiros estão orientando os frentistas a oferecerem produtos, como a troca de óleo, sem qualquer necessidade real.

Isso sem contar que, em alguns casos, o valor do produto está superfaturado. Isso quer dizer que o serviço é oferecido com preço muito mais elevado do que o praticado em lugares especializados.

Com isso, os motoristas acabam caindo no golpe quando trocam algo que ainda estava em dia. Esse é um grande esquema de algumas redes de postos para enganar os clientes e lucrar muito além do valor do combustível.

Alguns casos foram parar na mira da Polícia Civil, pois a prática é mais comum do que boa parte dos motoristas imaginam. Para evitar os golpes nos postos de combustíveis, a orientação é muito simples:

Os clientes devem resumir a permanência no posto para o abastecimento do carro, calibrar os pneus e repor o fluido do limpador de para-brisa. A orientação é de que todos os demais serviços que envolvam os veículos sejam feitos em lojas específicas para isso.



Além disso, os condutores devem se proteger ao reparar nas informações indicativas no painel do carro. Por exemplo: as próximas datas de revisão e troca de óleo, contudo também é bacana conferir se existe algum alerta que indique problemas no veículo.

A dica é sempre levar em um mecânico de confiança.

Outro cuidado importante é verificar a quantidade de combustível na bomba para ter certeza de que realmente confere com o valor pago pelo motorista. E mais que isso, evite também verificar o óleo com o motor do carro quente. Sempre opte pela mesma marca e característica indicada no manual do seu veículo.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário