scorecardresearch ghost pixel



Atenção: nova consulta ao auxílio emergencial é liberada pela Dataprev

Valores atrasados de até R$ 3 mil começaram a ser repassados aos beneficiários elegíveis. Saiba como ter acesso.



O auxílio emergencial criado durante a pandemia teve o calendário de pagamentos encerrado no mês de outubro de 2021. No entanto, de lá pra cá, um grupo de brasileiros voltou a receber valores do programa em 2022. Os saldos podem chegar a R$ 3 mil, com consulta ao benefício por meio de um site desenvolvido pela Dataprev.

Leia mais: Bolsa Empreendedor oferece auxílio de R$ 1.000; saiba como participar

Podem consultar se são elegíveis ao chamado “auxílio emergencial retroativo” os pais chefes de famílias monoparentais, ou seja, que cuidam da casa e de filhos menores de idade sem ajuda de companheira ou cônjuge.

Pagamento do auxílio atrasado

O auxílio emergencial, quando foi lançado em 2020, beneficiou com duas cotas apenas as mães solteiras chefes de famílias monoparentais.

Na ocasião, as mulheres receberam como valor mensal, entre abril e agosto daquele ano, a quantia de R$ 1,2 mil. Os homens na mesma situação, por outro lado, tiveram acesso à cota simples, no valor de R$ 600.



Após a derrubada do veto do presidente Jair Bolsonaro (PL) que impedia o pagamento em dobro, foi liberado o pagamento retroativo para pais solos, no repasse de até 5 parcelas no valor de R$ 600, totalizando R$ 3 mil.

Qual o valor do auxílio emergencial retroativo?

Os pais solteiros que são elegíveis aos pagamentos podem receber até R$ 3 mil. O montante vai depender de quanto cada pessoa recebeu entre os meses de abril e agosto de 2020. Confira:

  • Pais que receberam cinco parcelas do auxílio emergencial: R$ 3 mil
  • Pais que receberam quatro parcelas do auxílio emergencial: R$ 2,4 mil
  • Pais que receberam três parcelas do auxílio emergencial: R$ 1,8 mil
  • Pais que receberam duas parcelas do auxílio emergencial: R$ 1,2 mil
  • Pais que receberam uma parcela do auxílio emergencial: R$ 600

Como fazer a consulta do auxílio emergencial retroativo?

Para tirar qualquer dúvida sobre o auxílio emergencial retroativo, os brasileiros devem acessar o site da Dataprev. O acesso é realizado por meio de conta Gov.br, com acesso pelo número do CPF e senha de entrada.




Voltar ao topo

Deixe um comentário