Educação DF pode ter edital para professor na próxima semana

Processo seletivo deve trazer vagas temporárias para professores substitutos com contratos vigentes por 12 meses e remuneração a partir de R$ 1,9 mil.

A semana que vem promete ser movimentada no mundo dos concursos públicos! O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, anunciou, em vídeo institucional, edital para professor substituto nos próximos dias!

O processo seletivo promovido pela Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEDF) buscará a contratação temporária de professores para suprir a demanda da rede pública de ensino distrital. O contrato destes profissionais terá vigência de um ano, com possível prorrogação por igual período.

Ainda não foram informadas quais especialidades serão inclusas no processo seletivo. Mas, já é possível ter uma noção de como serão as remunerações aplicadas aos professores substitutos.

Os vencimentos são estipulados conforme a hora-aula trabalhada, tendo por base os padrões da Carreira Magistério Público do Distrito Federal. Sendo assim, variam de R$ 1.929,43 para 20h e R$ 3.858,87 para 40h, acrescidos de gratificação, auxílio transporte e alimentação.

Última seleção para temporários

A SEDF promoveu a última contratação de professores temporários em 2016, tendo o Cebraspe como organizador. Os candidatos foram avaliados em prova objetiva que aplicou questões de conhecimentos básicos, complementares e específicos.

Mais informações podem ser verificadas no edital, disponível através do link: PROCESSO SELETIVO PROFESSOR SUBSTITUTO SEDF 2016

Concurso PC DF

Também no Distrito Federal, mais um edital é esperado pelos concurseiros. Trata-se de novas seleções promovidas pela Polícia Civil do DF (PC DF). Sem editais válidos nas carreiras de escrivão e agente, a corporação só poderá promover novas contratações se abrir concurso público.

Os certames realizados em 2013 para os dois cargos expiraram no dia 25 de junho, após validade de dois anos prorrogada por igual período. Por isso, a PC DF já encaminhou pedido com 2.100 vagas, com último andamento registrado em maio.

Do total de oportunidades, 300 seguirão para escrivão e 1.800 para agente, as duas, exigindo graduação em qualquer área. A remuneração inicial é de R$ 8.698,78 na terceira classe, podendo chegar a R$ 13.751,51 no topo de carreira.

No entanto, mesmo que o pedido seja atendido em sua integralidade, ainda não será suficiente para sanar a atual carência apresentada pelo órgão. Atualmente, a PC DF tem déficit de 2.849 postos no cargo de agente e 592 escrivães.

Voltar ao topo

Deixe um comentário