Correios: Programa de reestruturação vai fechar 161 agências

O Correios divulgou que fechará 161 agências em todo o país. A decisão foi tomada para que fosse feita uma reestruturação da empresa.

O negócio dos Correios está cada vez mais acirrado. Isso se deve principalmente a concorrência que ganha mais espaço dentro do país. Além disso, e-mails, mídias sociais e outras plataformas permitiram que os brasileiros se comunicassem uns com os outros instantaneamente e basicamente de graça, diferente dos anos 90.

Quando as empresas do setor privado perdem dinheiro, elas saem do negócio. Não é assim que o Correios. A estatal teve lucro líquido de R$ 161 milhões no ano fiscal de 2018. A empresa amargou prejuízos até 2017, quando voltou a apresentar lucro em suas operações.

De fato, o Correios fez grandes cortes tanto no número de trabalhadores quanto em serviço. Entretanto, os valores de aposentadorias e pensões continuam a corroer sua posição financeira. Buscando uma estratégia de sobrevivência, e com as compras on-line crescendo, os correios estão se concentrando no fornecimento de encomendas. Entretanto, como não tem o monopólio neste negócio.

A concorrência de empresas como UPS, FedEx e DHL significa que o Correios dificilmente conseguirá ganhar dinheiro suficiente para cobrir seus enormes déficits de aposentadorias e pensões, que juntos superam R$ 11 bilhões. Com sua dívida já no máximo permitido por lei, o Correios também não consegue se esforçar para investir o suficiente para competir com rivais mais ágeis.

Fechamento de agências

De acordo com um comunicado emitido pela empresa, o fechamento das agências ocorrerá até o dia 5 de julho de 2019. O atendimento será transferido para agências próximas. Na nota é dito também que estas agências ficavam em imóveis alugados e muito próximas de outras agências. Por este motivo não seria vantajoso manter estes locais.

Estudo para Privatização

O presidente Jair Bolsonaro autorizou no mês de abril uma série de estudos para saber a viabilidade da privatização dos Correios. Ele informou a decisão pela rede social Twitter. Ele destacou casos de corrupção envolvendo a estatal.

Demos OK para estudo da privatização dos Correios. Temos que rememorar para a população o seu fundo de pensão. A empresa foi o início do foco de corrupção com o mensalão, deflagrando o governo mais corrupto da história. Com o Foro de SP destruíram tudo nome da Pátria Bolivariana”.

Qual a importância dos Correios?

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos têm 356 anos de existência. Atualmente é subordinada do Ministério das Comunicações, Ciência, Tecnologia e Inovação. Muitas empresas dependem da precisão e eficiência de serviços postais e dos sistemas de entrega para conduzir seus negócios.

Um fator importante nos negócios é a comunicação com clientes, contratados, distribuidores, fabricantes e fornecedores. As oportunidades de negócios globais aumentam a dependência dos serviços postais mundiais e dos sistemas de correio internacional. O aumento do uso de tecnologia eletrônica não substituiu a importância de todos os serviços postais.

O serviço postal fornece garantias as empresas e pessoas de que os documentos ou pacotes foram entregues corretamente. As taxas de postagem e os prazos de entrega podem ser calculados on-line para agilizar o processo.

Entregas

Pessoas e empresas usam serviços e sistemas postais para enviar e receber notificações importantes, contratos assinados, correspondências escritas, pequenos pacotes e grandes remessas. Telefones celulares, mensagens de texto, correspondência por e-mail e transmissões de fax reduziram o uso de serviços gerais de correspondência, mas não podem substituir totalmente a importância dos serviços postais.

Os serviços e sistemas postais são essenciais para as operações diárias do comércio. Os administradores dependem da eficiência dos sistemas de entrega para enviar recibos de contracheque, faturas comerciais e pagamentos de contas.

Lista de Agências

Confira a seguir a lista de agências que serão fechadas:

Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário