Quem tem até R$ 5 mil no fundo Pasep pode sacar valor a partir de hoje

Os servidores públicos que possuem direito ao saque do fundo PASEP já podem retirar a quantia disponível. Os pagamentos se iniciaram hoje, 20.

O saque das cotas do fundo PASEP se iniciam hoje, 20, para os trabalhadores que não são correntistas do Banco do Brasil e possuem quantias de até R$ 5 mil. De acordo com a instituição, os cotistas poderão realizar os saques por meio de transferências pela internet ou em caixas eletrônicos. O PASEP é destinado aos servidores públicos e não há prazo para as retiradas.

Já os trabalhadores que possuem mais de R$ 5 mil no fundo e que não são correntistas do BB, poderão realizar o saque a partir do dia 22 de agosto. Para isso, é necessário comparecer pessoalmente em uma das agências do Banco do Brasil. Os correntistas tiveram o saque do fundo liberado na segunda, 19.

Além disso, o saque referente ao PIS para os correntistas da Caixa Econômica Federal também foi liberado no dia 19 de agosto. No caso dos não clientes da Caixa, os saques irão ocorrer de acordo com a idade. O fundo do PIS é destinado aos funcionários de iniciativa privada.

Dessa forma, pode fazer a retirada do fundo PIS/PASEP quem trabalhou com carteira assinada entre os anos de 1971 e 1988 e ainda não sacou a quantia.

Como realizar os saques

Os servidores públicos devem realizar o saque do fundo do PASEP em agências do Banco do Brasil. Os trabalhadores que não forem correntistas do banco poderão realizar a transferência (TED) para outros bancos sem custos adicionais para o valor de até R$ 5 mil.

Assim, a transferência poderá ser realizada por meio do site do BB ou pelos terminais de autoatendimento do banco. Já os saques de valores acima de R$ 5 mil só podem ser feitos em agências da instituição. De acordo com o Banco do Brasil, cerca de R$ 4,5 bilhões estão disponíveis para o saque de 1,5 milhão de cotistas do PASEP.

No caso dos trabalhadores da iniciativa privada, o saques do fundo do PIS deverão ser feitos em casas lotéricas, caixas eletrônicos da Caixa e em representantes Caixa Aqui. Para isso, é necessário portão o Cartão Cidadão e a senha. Entretanto, os trabalhadores que não possuírem o cartão, poderão sacar o valor nos balcões de atendimento nas agências da estatal.

Dessa forma, mais de 10 milhões de trabalhadores possuem direito a retirada dos valores em todo o país, de acordo com informações da Caixa. A expectativa é que a liberação dos saques movimente até R$ 18,3 bilhões, segundo levantamentos realizados pela Caixa.

Consulta a quantia do fundo PIS/PASEP

Os funcionários de empresas privadas que quiserem saber se possuem valores no fundo do PIS podem realizar a consulta das seguintes formas:

  • No aplicativo Caixa Trabalhador, em “Informações Cotas do PIS”. Basta informar o CPF ou NIS, data de nascimento e a senha para internet;
  • Pelo site da Caixa, informando o CPF ou NIS e senha;
  • Pelo Autoatendimento com o Cartão Cidadão ou internet banco, em caso de correntista da Caixa.

Os servidores públicos podem realizar a consulta pelos seguintes canais:

  • Por meio dos telefones 4004-0001 para capitais e 0800-729-0001 para demais localidades. Será preciso informa do número de inscrição do PASEP/CPF e data de nascimento;
  • Pelo site do Banco do Brasil, informando CPF e data de nascimento;
  • Nas agências do Banco do Brasil, portando documento de identidade com RG, CPF e foto.

Veja também: Caixa irá considerar saldo de 20 dias anteriores ao início do pagamento do FGTS.

Diferença entre Abono e Fundo PIS/PASEP

Há uma grande dúvida dentre os trabalhadores sobre a diferença entre o abono e o fundo PIS/PASEP. Isso ocorre devido ao governo ter autorizado o pagamento das cotas do fundo PIS/PASEP paralelamente ao abono salarial. Contudo, as cotas só podem ser pagas para trabalhadores com carteira assinada entre 1971 e 1988, que ainda não realizou o saque. As cotas do fundo do PIS/PASEP e o abono salarial são dois benefícios diferentes e independentes

Desse modo, o mesmo beneficiário poderá ter direito ao pagamento de ambos os benefícios. Assim, não haverá risco de perdes os pagamentos, visto que um não interfere no outro. O abono salarial é referente a até o valor de um salário mínimo vigente (R$ 998).

Datas de liberação do saque

Os saques do PIS devem ser realizados em agências e correspondentes da Caixa. No caso de correntistas, o saque já foi liberado. O calendário de liberação do saque foi estabelecido da seguinte forma:

  • 19 de agosto: Crédito em conta para correntistas da Caixa;
  • 26 de agosto: Cotistas não clientes da Caixa, com 60 anos ou mais;
  • 2 de setembro: Cotistas não clientes da caixa, com até 59 anos.

Já os servidores públicos devem receber o pagamento da cota do PASEP pelo Banco do Brasil. Os servidores correntistas da instituição já receberam o benefício. O calendário ficou da seguinte forma:

  • 19 de agosto: Crédito em conta para correntistas do Banco do Brasil;
  • 20 de agosto: Cotistas não clientes do Banco do Brasil, com saldo de até R$ 5 mil;
  • 22 de agosto: Cotistas não clientes do Banco do Brasil, com saldo superior a R$ 5 mil.
Voltar ao topo

Deixe um comentário