SAIU Concurso CFO para vários níveis de ensino e salários de até R$ 7,5 mil

Conselho Federal de Odontologia publica edital com 125 vagas para quem possui nível médio, técnico e superior de ensino.

O Conselho Federal de Odontologia (CFO) acaba de lançar edital de concurso público com 10 vagas para preenchimento imediato e mais 115 de cadastro de reserva, somando 125 chances no total. As oportunidades são para profissionais que possuem níveis médio, técnico ou superior de escolaridade.

Serão 60 vagas para candidatos de nível médio, sendo seis imediatas e 54 para cadastro de reserva. Já para os cargos de nível médio/técnico são resguardadas 15 oportunidades de cadastro de reserva. Para nível superior são 50 vagas, sendo quatro imediatas e demais de cadastro de reserva.

Confira os cargos de acordo com o nível exigido:

  • Nível médio: agente operacional e técnico administrativo. As carreiras oferecem ganhos iniciais de R$ 2 mil e R$ 3.200 respectivamente;
  • Nível médio/técnico: técnico de arquivo. Neste caso o salário é de R$ 3.200;
  • Nível superior: administrador, procurador jurídico e contador. Ganhos de R$ 7.500 para os dois primeiros cargos e de R$ 6.400 para o último cargo.

Além dos vencimentos base, os aprovados irão receber vale-transporte, auxílio-alimentação, assistência médica e odontológica. A jornada de trabalho semanal será de 40 horas para todos os contratados que deverão atuar em Brasília, no Distrito Federal.

Inscrições concurso CFO

O prazo para inscrições começou na segunda-feira, 4, pelo site do Instituto Quadrix e segue até às 23h59 do dia 9 de dezembro.

Taxas de inscrição serão cobradas nos valores de R$ 65 para médio e técnico e R$ 85 para superior. O pedido de isenção é disponibilizado apenas para candidatos doadores de medula óssea ou inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) que devem solicitar até às 18 horas do dia 8 de novembro também pelo site do organizador do certame.

Provas concurso CFO

A seleção para o concurso CFO será composta de provas objetivas e ainda haverá provas discursivas para os candidatos do nível superior. Para os candidatos de níveis médio e técnico, as provas vão ser aplicadas na data prevista de 2 de fevereiro de 2020. Já para os cargos de nível superior, as provas vão ser aplicadas antes, no dia 26 de janeiro.

A avaliação objetiva para todos os cargos terá 120 questões de distribuídas entre 40 de Conhecimentos Básicos (Língua Portuguesa), Noções de Informática e Raciocínio Lógico e Matemático), 50 de Conhecimentos Complementares (Legislação e Ética na Administração Pública e Legislação) e 50 de Conhecimentos Específicos segundo o cargo disputado.

Este concurso terá validade de um ano a partir da data de publicação do resultado final, podendo ser prorrogada por mais um.

Para mais informações, acesse:

Veja também: Novo saque do FGTS sai no dia 8 de novembro; Veja quem poderá receber os R$ 500!

Voltar ao topo

Notícias relacionadas

Deixe um comentário