Auxílio emergencial pode pagar até R$ 1.800 a trabalhadores; Entenda!

Critérios de concessão têm como base a renda, idade e situação social do cadastrado (a).

Na tentativa de conter o avanços da crise em razão da pandemia do novo coronavírus, o governo federal anunciou uma série de medidas que buscam movimentar o mercado econômico dentre os próximos meses.

Entre as iniciativas está o pagamento do auxílio emergencial no valor de R$ 600,00 a trabalhadores informais, intermitentes, desempregados e microempreendedores individuais (MEI). No caso de mães monoparentais, a quantia estabelecida é de R$ 1.200,00 (duas cotas).

Auxílio de R$ 1.800,00

Somados, os benefícios podem chegar a R$ 1.800,00 por família. Mas, como esse cálculo é feito? De acordo com o site oficial da Caixa Econômica Federal (CEF), responsável pelo repasse do benefício, a regra de concessão permite até dois beneficiários por família. 

Contudo, caso haja no mesmo ambiente familiar uma mãe chefe de família e outro membro enquadrado nas regras estipuladas por lei, este também poderá receber o benefício. O único critério exigido nesse situação é de que essa pessoa não esteja na situação de cônjuge da beneficiada.

Veja a seguir como funciona: 

  • Até um beneficiário comum: R$ 600,00;
  • Até dois beneficiários comuns: R$ 1.200,00;
  • Uma mãe chefe de família: R$ 1.200,00;
  • Mãe chefe de família e mais um beneficiário comum: R$ 1.800,00.

Vale ressaltar que os critérios de concessão também incluem a renda, idade e situação social do cadastrado (a).

Caixa libera saque da poupança-digital

A partir desta segunda-feira, 27, a Caixa começa a liberar os saques do valor em dinheiro. Para evitar aglomerações, os pagamentos serão feitos de forma escalonada e de acordo com a data de nascimento do beneficiário. Confira o calendário abaixo:

  • 27 de abril – nascidos em janeiro e fevereiro;
  • 28 de abril – nascidos em março e abril;
  • 29 de abril – nascidos em maio e junho;
  • 30 de abril – nascidos julho e agosto;
  • 04 de maio – nascidos em setembro e outubro;
  • 05 de maio – nascidos em novembro e dezembro.

A medida é voltada para os beneficiários que não possuem contas em bancos. Para esse público, foi criada automaticamente a poupança-digital gratuita. Os resgates acontecem em casas lotéricas ou terminais de autoatendimento.

Para os resgastes, é necessário apresentar um código de acesso, obtido no aplicativo Caixa TEM. 

Leia ainda: Saque do auxílio emergencial de R$ 600 começa nesta segunda, 27

Voltar ao topo

Deixe um comentário