Empréstimo da Caixa para empreendedores libera até R$ 125 mil. Saiba como solicitar!

Objetivo é injetar capital de giro em empresas de pequeno porte. Iniciativa acontece em parceria com o Sebrae.

Microempreendedores individuais (MEI) podem solicitar junto à Caixa Econômica Federal uma nova linha de crédito, com taxas de juros reduzidas e maior tempo para pagar. A novidade é uma parceria com o Sebrae e disponibiliza cerca de R$ 7,5 bilhões de recurso em capital de giro para o setor.

A iniciativa tem como objetivo fomentar o crescimento econômico e o desenvolvimento empresarial do país. Em meio à pandemia causada pelo novo coronavírus, muitas empresas tiveram seus rendimentos afetados duramente, sobretudo para quem é dono de pequenos negócios.

Como funciona a parceria?

O FAMPE representa o Fundo de Aval para as Micro e Pequenas Empresas. De responsabilidade do Sebrae, o projeto funciona como mediador entre as instituições financeiras conveniadas e as pequenas empresas durante as negociações de um financiamento bancário. 

Caso o empreendimento não possui todas as garantias necessárias para conseguir um empréstimo/financiamento, o FAMPE é acionado para complementar a prerrogativa.

As empresas que solicitarem o empréstimo poderão ter de limite valores entre R$ 12,5 mil, no caso de MEIs, R$ 75 mil se for microempresa e R$ 125 mil, se estiver enquadrada na categoria de pequena empresa.

Aquelas que receberam ou possuem acompanhamento junto ao Sebrae também terão como vantagem: taxas de juros mais baixas, maior prazo de carência e isenção na parte de garantias reais, parte do pacote de crédito Caixa Empresa Sebrae.

Prazos e taxas de juros

Com taxas e prazo diferenciados, a nova linha está disponível para empreendimentos dos setores da indústria (incluindo agroindústrias), serviços e comércios. Elas variam entre 1,19% e 1,59% ao mês, além de prazo para pagamento de 24 a 36 meses. Confira a tabela completa abaixo:

Porte Valor Máximo por CNPJ Carência Amortização após carência Taxas de Juros
MEI R$ 12,5 mil 9 meses 24 meses 1,59% a.m
ME R$ 75 mil 12 meses 30 meses 1,39% a.m
EPP R$ 125 mil 12 meses 36 meses 1,19% a.m

Importante: donos ou sócios que estiverem com o nome negativado não terão acesso à esta linha de crédito. Além disso, o empreendimento deve ter pelo menos 12 meses de faturamento para a solicitação.

Como solicitar?

Para recorrer à esta linha de crédito, o empresário que se encaixar entre as categorias deverá se cadastrar no portal do Sebrae e realizar o tutorial contendo informações sobre soluções empresariais. Após a conclusão dos módulos, será permitida a adesão às formas de financiamento. 

Ao ter esse acompanhamento junto ao Sebrae, a empresa conseguirá ter uma melhor gestão dos recursos e consequentemente tornar a micro empresa mais preparada para a utilização do dinheiro. 

São duas as fases que englobam a contratação: o pré-empréstimo e o acompanhamento do crédito emprestado pelo FAMPE. Na primeira, o empresário tem acesso aos conteúdos e cursos de apoio on-line oferecidos pela entidade, além de dicas sobre como organizar melhor a vida financeira. 

Após a obtenção do empréstimo, começa a segunda etapa, que nada mais é do que o acompanhamento do Sebrae por meio de informações e dicas para a manutenção da saúde da empresa, o chamado “crédito assistido”.

Outra forma de conseguir um financiamento para microempresa junto à Caixa, é ir à uma agência Caixa para a operação. 

Leia ainda: Caixa oferece empréstimo de R$ 21 mil para MEIs; Confira como conseguir

Voltar ao topo

Deixe um comentário