scorecardresearch ghost pixel

Correios são opção para cadastro do auxílio emergencial de R$ 600 a R$ 1.200

Correios informaram que vão começar a fazer o cadastro a partir do próximo mês. As agências estão em processo de adaptação dos sistemas para realizar o serviço.

O governo federal liberou os Correios para fazer cadastro de pessoas que precisam do auxílio emergencial de R$ 600 a R$ 1.200, a medida entra em vigor a partir de junho. O benefício está em sua segunda parcela de pagamento com cerca de R$ 60 bilhões já distribuídos como anunciado pela Caixa Econômica Federal no sábado (23).

Os Correios informaram em nota que vão começar a fazer o cadastro a partir do próximo mês, mas que ainda não há data definida para isso. De acordo com o órgão , “as agências estão, nesse momento, em processo de adaptação dos sistemas para realização do serviço”.

Contudo, a estatal declarou que assim que tiver a data de atendimento definida, assim como todos os detalhes para acesso do serviço pelo população, as informações serão divulgadas nos canais oficiais dos Correios.

Quem pedir o auxílio emergencial agora deverá seguir calendário diferenciado do já definido pelo governo. Estão recebendo a segunda parcela aqueles que receberam a primeira até dia 30 de abril.

 Quem pode receber o auxílio emergencial?

Lembrando que o auxílio emergencial é pago aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos, desempregados, contribuintes individuais da Previdência e mães chefes de família. Esses precisam se encaixar nas seguintes exigências para receber:

  • Maior de 18 anos (excluindo mães chefes de família)
  • A renda por pessoa da família deve ser até R$ 522,50 ou renda familiar de até R$ 3.135
  • Não pode ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018
  • Não recebe o benefício quem já recebe seguro-desemprego, BPC, aposentadoria ou pensão

Quanto é pago de auxílio emergencial?

Para mulheres chefes de família são pagas três parcelas de R$ 1.200,00, já para as demais categorias são destinadas três parcelas de R$ 600,00 por no máximo dois membros da família.

Como se cadastrar no auxílio emergencial?

No momento, o cadastro para receber o auxílio emergencial pode ser feito pelo site auxilio.caixa.gov.br e pelo aplicativo Caixa Auxílio Emergencial, disponível para sistema Android e iOS.  A ajuda governamental tem como objetivo amenizar o impacto da crise causada pela pandemia do novo coronavírus.

Veja também: Saiba qual é o seu saldo de FGTS para saque emergencial a partir de junho


Voltar ao topo

Deixe um comentário