scorecardresearch ghost pixel

INSS: Veja o que fazer para destravar a revisão da sua aposentadoria

Segurado que deseja solicitar o recálculo do benefício precisa reunir provas para comprovar o direito. Não há necessidade de contratar um advogado.

O segurado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que solicitou uma revisão administrativa para o recálculo do benefício pode ter que aguardar mais do que o esperado. Isso porque, de acordo com a Previdência social, o tempo de análise aumentou em 2020.

A duração média de uma revisão que chega na Junta de Recursos, por exemplo, foi de 169 dias. Já na Câmara de Julgamentos, o tempo aumentou de 167 dias, em 2019, para 363 dias neste ano. Vale lembrar que com a pandemia do novo coronavírus, as agências do INSS ficaram fechadas.

Como solicitar a revisão?

Aposentados e pensionistas tem dez anos, a contar da data de início do pagamento, para solicitar o recálculo do benefício, caso haja erro na hora da concessão. O pedido de revisão deve ser feito diretamente a autarquia pelo site Meu INSS ou no telefone 135 (de segunda a sexta, das 7h ás 22h).

Após primeira análise, o pedido segue para a Junta de Recursos. Posteriormente, é encaminhado Câmara de Julgamentos, caso o beneficiário não concorde com a decisão do órgão. É importante destacar que, segundo especialistas, procurar a Justiça antes de tentar via administrativa pode derrubar o processo logo no início.

Para aumentar as chances de ter a revisão aprovada, o segurado deve reunir o maior número de documentos que comprovem o direito que está sendo requisitado. Vale ressaltar que não há necessidade de contratar um advogado, embora o beneficiário possa contar com a ajuda de um especialista para defendê-lo.

É recomendado, por exemplo, buscar falhas na contagem das contribuições pelo INSS. Os dados estão no extrato de contribuição (Cnis) e no processo administrativo. Caso haja demora para obter resposta da autarquia, o cidadão pode fazer uma reclamação na ouvidoria do INSS.

Como acompanhar a análise do pedido?

  1. Faça login no Meu INSS;
  2. Em seguida, clique na opção “Agendamentos/Solicitações”;
  3. Localize seu processo na área “Atendimento à distância”;
  4. Por fim, clique no ícone da lupa para ver os detalhes.

Leia também: Teto da aposentadoria do INSS pode chegar a R$ 6.351,20 em 2021 por causa da inflação


Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário