scorecardresearch ghost pixel

Pensando em pegar um empréstimo? Veja se você está bem avaliado para receber crédito

Consumidor que busca ofertas vantajosas deve se atentar ao seu histórico financeiro e avaliar se com ele terá chances de pedir o dinheiro extra.

A chegada de um novo ano é acompanhada de gastos obrigatórios e essenciais para todo mundo, como por exemplo, pagamento de impostos (IPTU e IPVA), além da compra de materiais escolares dos filhos e pagamento das dívidas feitas no Natal e Ano Novo.

O impacto negativo causado pela pandemia no bolso dos brasileiros pode contribuir (e muito) para a falta de dinheiro e uma possível crise financeira pessoal. O jeito mais comum adotado por muitos está na contratação de um empréstimo pessoal e, se possível, com baixa taxa de juros.

Porém, antes de tudo, a pessoa que busca crédito deve se atentar ao seu histórico financeiro e avaliar se com ele terá chances de pedir o dinheiro extra. O score de crédito é uma das ferramenta utilizadas pelas instituições na hora de fechar ou não um acordo. Saiba mais sobre ele a seguir!

Estou bem avaliado para conseguir empréstimo? Saiba como funciona o score

O score de crédito nada mais é do que a pontuação que mede o nível de adimplência ou inadimplência do consumidor. Variando de 0 a 1.000, quanto menor os pontos, menores são as chances de aprovação em linhas de crédito, como cartões, financiamentos, etc.

Até 300 pontos, por exemplo, o consumidor possui um alto risco de inadimplência. Entre 300 e 700, o risco é considerado intermediário/médio. Já quando a pontuação está acima de 700, o risco é entendido como baixo, sendo as chances de aprovação maiores.

No score, os fatores que resultam na medição do pontos consideram os pagamentos de contas em dia, relacionamento do consumidor com outros bancos e empresas, se os dados junto às instituições estão atualizados e se há histórico de dívidas ou negativações recentes.

Hoje em dia, existem entidades encarregadas de calcular o score de crédito. São elas: SPC, Serasa, Boa Vista e Quod. Juntas, elas reúnem informações cadastrais de milhões de consumidores brasileiros, sendo sua abrangência de caráter nacional.

Como aumentar o score de crédito?

Antes de aumentar o score, é preciso, primeiramente, consultá-lo. A informação é oferecida gratuitamente no site do Serasa Score. Se a pontuação estiver alta, não há motivos para se preocupar, basta manter os pagamentos das contas em dia, evitando atrasos.

Mas se os pontos estiverem muito abaixo da média utilizada para a concessão de empréstimos, por exemplo, a sugestão é aumentar a pontuação. Para isso, verifique se há pendências em aberto e pague-as.

Outra dica é manter os dados atualizados no Cadastro Positivo. Ao contrário do score, a plataforma funciona como uma central de dados que indica os consumidores considerados bons pagadores.

Leia ainda: Tempo está acabando! MEIs têm até o dia 31 para solicitar empréstimo via Peac Maquininhas


Voltar ao topo

Deixe um comentário