scorecardresearch ghost pixel

Grana extra: Conheça o aplicativo do Google que oferece dinheiro a quem cumprir tarefas simples

Conteúdo produzido no aplicativo, que está em fase de testes, poderá ser utilizado em outros produtos do Google, entre eles o Google Assistente e o Google Maps.

Recentemente, o Google lançou um aplicativo no qual os usuários podem executar tarefas simples e receber uma recompensa por isso. Chamado de Task Mate, o app oferece dinheiro em troca do usuário fotografar lojas, gravar e transcrever frases, entre outras atividades.

De acordo com a empresa, o conteúdo produzido no aplicativo poderá ser utilizado em outros produtos do Google, entre eles a tecnologia de reconhecimento de voz e inteligência artificial do Google Assistente e o Google Maps.

Até o momento, o aplicativo está em fase de testes e disponível somente na Índia, sendo necessário um convite para cadastro e acesso ao Google Task Mate. A empresa ainda não informou se futuramente o app será liberado em outros países.

No Brasil existe um aplicativo que funciona de forma similar, o Opinion Rewards, no qual o usuário deve responder pesquisas sobre seus hábitos de consumo e experiências com os produtos da empresa. Porém, o app não oferece recompensa em dinheiro, mas sim créditos para utilizar no Google Play Store.

Como funciona?

O Task Mate oferece duas categorias de tarefas. As “sitting tasks” são aquelas que o usuário pode fazer em casa, enquanto nas “field tasks” é necessário visitar locais determinados pelo app.

A cada tarefa completada, o usuário receberá uma remuneração correspondente. Por exemplo, a cada 10 frases transcritas, o aplicativo pagará US$ 0,50 (aproximadamente R$ 2,74 pela cotação atual). O Google realizará uma análise para verificar se a atividade foi concluída corretamente e, em seguida, o valor será adicionado à conta e novas tarefas serão abertas.

Ao acumular um saldo de pelo menos US$ 10, o valor poderá ser transferido para qualquer conta bancária de preferência do usuário.

Leia também: Google lança plano de internet via fibra de 2 Gb por segundo; Saiba mais


Veja mais sobre

Voltar ao topo

Notícias relacionadas

Deixe um comentário