scorecardresearch ghost pixel



Anunciadas 150 mil vagas para Bolsa Trabalho no valor de R$ 540

Além da jornada de trabalho a ser cumprida diariamente, participante também fará um curso de qualificação profissional.



Um novo programa social vai oferecer 150 mil oportunidades de renda e qualificação profissional para a população desempregada. Estamos falando do Bolsa Trabalho, ação comandada pelo governo de São Paulo, cujo investimento chega a R$ 415 milhões.

Leia mais: Auxílio emergencial 2022: 5 parcelas de R$ 600 são confirmadas; Quem recebe?

O benefício oferecerá o valor de R$ 540 mensais para que os cidadãos elegíveis realizem atividades em órgãos públicos, municipais ou estaduais. A carga horária exigida será de quatro horas diárias e a duração do contrato de cinco meses. Além do trabalho, o participante também fará um curso de qualificação profissional.

“O Bolsa Trabalho é uma real oportunidade de emprego, são R$ 540 por mês, por um período de cinco meses, para atendimento a essa população vulnerável aqui no estado de São Paulo. A prioridade é para as mulheres”, declarou Doria, em nota.



Ao todo serão oferecidos seis cursos dentre o programa. São eles: gestão de pessoas, organização de eventos, rotinas e serviços administrativos, secretariado, recepção, auxiliar de controle de produção de estoque e gestão administrativa.

Como se candidatar para o Bolsa Trabalho

As inscrições para o Bolsa Trabalho começarão no dia 25 de janeiro e seguirão até o dia 7 de fevereiro pelo site Bolsa do Povo.

Serão aceitos os cadastrados de pessoas desempregadas maiores de 18 e que tenham renda familiar de até R$ 550 por pessoa. Segundo o governo, mulheres terão prioridade nas vagas.




Voltar ao topo

Deixe um comentário