scorecardresearch ghost pixel



Contribuição do INSS é reajustada: Veja quanto você vai pagar em 2022

Reajuste na tabela de pagamento começa a valer no próximo mês. Mudança leva em consideração o aumento no salário mínimo deste ano.



O salário mínimo teve um novo reajuste desde o dia 1º de janeiro deste ano. O valor do piso nacional passou de R$ 1.100 para R$ 1.212. A correção engordou mais um pouco a renda de quem recebe o PIS/Pasep, seguro-desemprego, Benefício de Prestação Continuada (BPC), além de aposentadorias e pensões.

Leia mais: Saiu o calendário do abono salarial PIS/Pasep de 2022; Veja as datas

No entanto, da mesma forma que diversos benefícios sociais e previdenciários subiram, as contribuições para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) também tiveram um reajuste de 10,18% em relação à tabela de contribuição. Os novos valores, inclusive, já valem para o próximo mês.



Nova alíquota de pagamento do INSS em 2022

Desde que foi aprovada a reforma da Previdência, em novembro de 2019, mudou-se a forma de calcular o desconto do INSS. Agora, a cobrança é feita de forma progressiva, em que aplica-se uma alíquota em cada faixa de salário da pessoa, até o teto. A prática é similar ao que acontece no Imposto de Renda.

Tendo como referência o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 10,18%, a alíquota do INSS 2022 para empregados, empregados domésticos e trabalhadores avulsos, deve ficar em 7,5% – no caso daqueles que recebem o salário mínimo de R$ 1.212. Quem tiver maiores ganhos, o percentual consequentemente será maior.

No geral, a tabela de contribuição para este ano deve ficar da seguinte forma:

Salário do contribuinte Alíquota
Até R$ 1.212 7,5%
De R$ 1.212,01 a R$ 2.427,79 9%
De R$ 2.427,80 até R$ 3.641,69 12%
De R$ 3.641,70 até R$ 7.088,5 14%

Alíquotas para contribuintes individuais e facultativos

Em relação aos contribuintes facultativos e quem é microempreendedor individual (MEI), a contribuição também terá aumento. No caso desses grupos, os pagamentos das contribuições junto ao INSS acontecem por meio de carnê manual ou emissão de guia no site do INSS. Confira os valores!



Para contribuinte individual

  • Contribuinte Individual de 20%: R$ 242,40;
  • Contribuinte Individual de 11%: R$ 133,32;

Para contribuinte facultativo

  • Contribuinte Facultativo de 20%: R$ 242,40;
  • Contribuinte Facultativo de 11%: R$ 133,32;
  • Contribuinte Facultativo Baixa Renda de 5%: R$ 60,60.

Vale destacar que no mês de janeiro ainda é feito o pagamento da contribuição de acordo com a competência de 2021, ou seja, com base no valor do salário mínimo do ano passado. Ela deve ser paga até o dia 15 de janeiro. No caso do MEI, o vencimento é para até o dia 20.




Voltar ao topo

Deixe um comentário