scorecardresearch ghost pixel



Empresa promete bike elétrica que vai revolucionar o mercado

Uma empresa chinesa promete trazer para o mercado um modelo de bike elétrica que garante potência e economia. Veja qual é.



Cuidar do meio ambiente é uma máxima que vale no mundo todo e uma meta que nem sempre é fácil de ser alcançada, já que isso envolve uma mudança no comportamento das populações de todo o planeta. Apesar disso, pequenas mudanças podem amenizar os impactos da poluição, como o uso das bikes elétricas.

Leia mais: Gás, energia, juros e salário mínimo: Como fica a economia em 2022?

Outro grande incentivo para a troca dos veículos para os modelos elétricos é também o alto preço dos combustíveis. Por isso, de olho no mercado de elétricos que só vem crescendo no mundo todo, uma empresa vai lançar uma bike elétrica que promete revolucionar o mercado.



Bike Elétrica

A empresa é a NIU, que já faz sucesso no mercado chinês. As bicicletas elétricas da marca prometem ser de baixo custo, bonitas, além de serem ágeis e usarem as mais modernas tecnologias disponíveis no mercado.

Por isso, a NIU está com uma proposta ousada de modernizar todo o mercado de bike elétricas. A expectativa é de apresentar modelos ainda mais modernos, com design e potência.



Alguns modelos, como as bicicletas BQi, já foram apresentados em feiras voltadas para o segmento de bikes. Isso tem chamado a atenção dos especialistas na área, que apostam que em breve bons produtos vão ser vistos no mercado de bicicletas.

O quadro das novas bikes são no formato V, o que facilita a montagem e facilita o uso dentro das cidades. Ideal para quem pretende trocar de vez os carros pelas bikes. Além disso, as bikes elétricas da NIU devem ter duas baterias, ao invés de só uma.

Assim, a previsão é que com as duas baterias, os novos modelos de bikes consigam rodar em média 100 quilômetros. Ou seja, com toda a autonomia necessária para quem pretende fazer uso das bikes com regularidade.

A velocidade que as bikes podem atingir muda de acordo com cada país. Nos Estados Unidos, por exemplo, o limite permitido é de até 45 quilômetros por hora. Enquanto que na Europa não pode passar de 25.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário