scorecardresearch ghost pixel



Quem tem o cartão Bolsa Família poderá trocar pelo Auxílio Brasil?

Quem ainda não recebeu o novo cartão do Auxílio Brasil pode ter acesso ao benefício com o antigo cartão do Bolsa Família.



No dia 18 de janeiro tem o pagamento do Auxílio Brasil, o programa social do governo federal criado para substituir o Bolsa Família. O benefício é para 17.566 milhões de famílias de baixa renda. O que muitas querem saber é se o antigo cartão do Bolsa Família também vale para o recebimento do Auxílio Brasil.

Leia mais: Quem não recebeu R$ 375 em 2021 terá direito ao retroativo do Auxílio Emergencial?

A dúvida ficou ainda maior depois que o governo federal começou a enviar para as casas das famílias cadastradas o novo cartão do Auxílio Brasil.

Cartão do Auxílio Brasil

De acordo com o Ministério da Cidadania, o antigo cartão do Bolsa Família continua valendo. Afinal de contas, a troca do benefício é uma transição que aos poucos vai sendo atualizada para todas as famílias com direito ao Auxílio Brasil.



Dessa forma, o cartão do Bolsa Família continua dando acesso ao benefício e quanto a isso as famílias não precisam se preocupar. Segundo o Ministério da Cidadania, só está recebendo o novo cartão neste primeiro momento as famílias que foram cadastradas pela primeira vez.

Ou seja, quem já recebia o Bolsa Família ainda não está recebendo os novos cartões. Mas o envio será gradativo e automático. Assim, não é preciso fazer nenhuma solicitação do novo cartão do Auxílio Brasil.

Quando o dinheiro cair na conta das famílias é possível fazer o saque ou até mesmo pagar os boletos ou fazer transferências. Toda essa movimentação pode ser feita pelo aplicativo Caixa Tem.

O calendário do governo federal prevê o pagamento do Auxílio Brasil no dia 18 de janeiro. Na primeira etapa é para quem tem o Número de Inscrição Social de final 1.

Ainda de acordo com o calendário divulgado, a previsão é de pagar o benefício sempre nos últimos 10 dias de cada mês, segundo divulgado pelo Ministério da Cidadania.




Voltar ao topo

Deixe um comentário