scorecardresearch ghost pixel



Barateou: Petrobras anuncia queda de 5,58% no preço do gás de cozinha

Valores cobrados pela estatal impactam diretamente o custo final que chega ao consumidor, que vem sofrendo há meses com a alta do botijão.



Noticia boa para quem esperava uma queda nos custos com o botijão de gás de 13 kg! A Petrobras emitiu um comunicado informando que o preço médio de venda do produto às distribuidoras caiu de R$ 4,48 para R$ 4,23 desde o último sábado, 9 de abril.

Leia mais: Entenda como saber se seu carro economiza mais com etanol ou gasolina

O valor é o equivalente a R$ 54,94 para 13 kg, que é o peso do botijão de cozinha. Em se tratando da redução média, ela é de R$ 3,27 ou de 5,58%, segundo dados da Petrobras.

Veja o comunicado da empresa acerca da redução:

“Acompanhando a evolução dos preços internacionais e da taxa de câmbio, que se estabilizaram em patamar inferior para o GLP (Gás Liquefeito de Petróleo), e coerente com a sua política de preços, a Petrobras reduzirá seus preços de venda às distribuidoras. A partir de 9/4, o preço médio de venda de GLP da Petrobras para as distribuidoras passará de R$ 4,48 para R$ 4,23 por kg, equivalente a R$ 54,94 por 13kg, refletindo redução média de R$ 3,27 por 13 kg.”



É válido destacar que os valores cobrados pela Petrobras impactam diretamente o custo final que chega ao consumidor. Neste caso, outros fatores contribuem para a composição do preço, como os gastos com distribuição, revenda, além das tributações federais estaduais.

Reajustes do botijão de gás

As novas mudanças da Pebrobras sobre o preço do gás de cozinha acontecem em menos de um mês após o último reajuste da estatal, realizado no dia 11 de março. Na ocasião, o preço do produto subiu 16,1%, da gasolina 18,8% e o do diesel 24,9%.

Considerando 12 meses até março, o gás de cozinha acumula uma alta de 29,6% – valor acima da inflação do mesmo período, que fechou em 11,3%.

Com isso, segundo dados da pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço médio do botijão de 13 kg, entre 24 de março e 2 de abril, passou a custar a média R$ 113,63.




Voltar ao topo

Deixe um comentário