scorecardresearch ghost pixel



Como fazer uma redação: 5 dicas simples para fazer uma redação perfeita

Aprenda a fazer uma redação eficaz com uma técnica muito eficiente para iniciantes.



Desenvolver uma boa redação não é uma tarefa fácil. Mesmo pessoas que possuem um vasto conhecimento enciclopédico podem ter dificuldade na hora de organizar as informações em um papel ou em um documento. E a redação é uma das habilidades que possui mais peso em muitos vestibulares e pode ser decisiva para o ingresso na universidade.

Veja também: Como fazer uma redação perfeita para concursos

Pensando nisso, muitas pessoas investem em aulas de redação particulares, cursos com certificado ou até mesmo em cursos preparatórios online, para melhorar as habilidades de escrita e, consequentemente, conseguir maior resultado no vestibular.



Para resolver esse problema, alguns profissionais desenvolveram técnicas de redação que podem ser úteis para quem precisa produzir uma redação e reunir informações sobre temas diversos. Em teoria é possível montar um texto de qualidade adotando cinco passos simples. Sendo eles:

  1. Interpretar o tema;
  2. Contextualizar;
  3. Dar atenção ao estilo de redação;
  4. Ser fiel ao tema;
  5. Destacar ideias centrais.

Para te ajudar a entender como fazer uma redação perfeita, vamos analisar cada uma dessas práticas.

Como fazer uma redação: 5 passos simples

1- Interpretar o tema

O primeiro desafio de quem vai escrever uma redação é interpretar o tema que está sendo proposto. Essa etapa é fundamental para evitar que o redator siga uma via argumentativa falha. Isso porque quando ele compreende a proposta do tema consegue organizar ideias para adotar o posicionamento pretendido pelo avaliador da redação.

Vale destacar que os avaliadores nem sempre estão interessados no posicionamento do redator, mas sim na forma como ele aborda e defende ideias fundamentais.

Para compreender o tema proposto é necessário esforço e atenção por parte do redator. Utilizar essas duas características pode ser o segredo para dar o primeiro passo na direção certa.



2- Contextualizar

Uma abordagem direto ao ponto pode não ser indicada para tratar de temas complexos, é por isso que a capacidade de contextualizar informações pode ser útil.

O redator precisa lembrar que os avaliadores ou as pessoas que vão ler a redação precisam compreender qual o objetivo do texto. A contextualização permite que as pessoas entendam os argumentos e informações complementares que fortalecem a argumentação textual.

3- Dar atenção ao estilo de redação

Cada redação demanda um estilo de escrita. É muito comum encontrar avaliações nas quais as redações exigem uma abordagem dissertativa. Dominar esse gênero textual pode ajudar os redatores que precisam construir teses e defender ideias, mas também é importante conhecer outros gêneros textuais para evitar surpresas.

4- Ser fiel ao tema

Um grande desafio para muitos redatores é continuar fiel ao tema, principalmente quando o redator não interpretou bem a proposta da redação.



Fugir do tema é uma das principais causas de reprovação em avaliações que utilizam redações como critério de seleção. Para se manter fiel ao tema, o redator precisa se perguntar se os argumentos utilizados tem como objeto central a proposta de redação apresentada pelo avaliador.

5- Destacar ideias centrais

Por fim, uma boa redação precisa de informações que destaquem ideias centrais. Essa é a melhor maneira de garantir que a argumentação esteja coerente.

É evidente que prestar a atenção a exatidão gramatical e ortográfica contribui para uma boa redação, mas como esses fatores são indispensáveis, destacamos apenas técnicas que podem agregar valor ao texto produzido.




Voltar ao topo

Notícias relacionadas

Deixe um comentário