scorecardresearch ghost pixel



Empresa oferece 20 mil bolsas em programação e chance de contratação

Várias empresas oferecem bolsas em programação para qualificar novos talentos em buscas. Tem mais de 20 mil com inscrições abertas.



O mercado de tecnologia está em alta. Enquanto tem gente querendo conseguir uma vaga de emprego, as empresas estão com dificuldade de encontrar profissionais capacitados. É por essa razão que muitas bolsas gratuitas estão surgindo com mais frequência. Tem empresa com 20 mil bolsas em programação.

Leia mais: Novidade: óculos do Google pode traduzir conversas em tempo real

Os interessados em participar têm até o dia 27 de maio para se inscreverem. É para a empresa de tecnologia e inovação TQI.



Bolsas em programação

As aulas gratuitas são oferecidas por meio da plataforma DIO, de educação e recrutamento em tecnologia. O curso leva o nome de “TQI Full Stack Developer”. Vale para quem está começando no mercado de TI, sem qualquer conhecimento anterior.

Para participar do processo seletivo da empresa ao final do curso, os alunos devem terminar todas as atividades do bootcamp até 24 de julho.

Cada aluno será avaliado individualmente, conforme o próprio desempenho na plataforma DIO. É importante concluir o estudo dentro do prazo e fazer todas as atividades ao final dos módulos.



Até porque os alunos precisam concluir um módulo com boas notas para ter acesso às atividades seguintes. O curso tem duração total de 125 horas. Além das aulas, o “TQI Full Stack Developer” conta com desafios práticos para que os alunos testem os conhecimentos.

Ao longo dos módulos eles aprendem sobre algumas linguagens como HTML, CSS, JavaScript e ReactJS para front-end; e Java para back-end. Além de banco de dados e introdução ao Quality Assurance (QA) para testes e qualidade.

Para participar é muito simples. É só acessar o site ou aplicativo da DIO e se inscrever. Se você já estiver fazendo algum bootcamp é necessário concluir o atual para só então ter acesso ao novo curso e aproveitar as bolsas em programação.




Voltar ao topo

Deixe um comentário