scorecardresearch ghost pixel



Quem está no CadÚnico pode receber 4 novos benefícios; veja quais

Saiba quais são os novos benefícios do CadÚnico que têm auxiliado tantas famílias nos últimos tempos.



Os programas sociais estão muito em alta nos últimos tempos, especialmente porque a pandemia causada pela COVID-19 acabou desestabilizando diversas famílias financeiramente; no entanto, para que esses programas possam ser liberados, é necessário que as pessoas estejam inscritas no CadÚnico.

Veja também: Auxílio: Bolsonaro pode lançar dois novos benefícios ainda em 2022

O cadastramento único, por sua vez, deve ser solicitado em primeiro lugar.

Para se inscreverem, as famílias devem atender alguns requisitos, como é o caso de ter a renda mensal familiar de até meio salário mínimo por pessoa; renda mensal familiar total de até três salários mínimos; ser alguém que vive em situação de rua… dentre diversas outras situações.



Após ter esse cadastramento realizado, as pessoas poderão ter acesso a diversos tipos de benefícios. Para que você fique por dentro de quais são esses benefícios e como eles podem ajudar significativamente a tantas famílias, separamos aqui os quatro principais benefícios a serem liberados mediante a inscrição no CadÚnico. Veja a seguir.

Carteira do idoso

Todos os idosos que conseguirem se inscrever no Cadastramento Único poderão ter acesso à carteira do idoso.

Mas o que isso significa? Nessa situação, os idosos com idade igual ou superior a 65 anos terão acesso ao transporte interestadual gratuito, além disso, em outros casos, poderão contar com um desconto de 50% na passagem.

Auxílio Gás

Um outro benefício liberado para pessoas inscritas no CadÚnico é o Auxílio Gás. Na verdade, esse benefício está sendo pago desde janeiro de 2022 para mais de 5 milhões de famílias. Ele corresponde ao valor de R$ 53, metade do valor atual referente ao botijão de gás.



Vale destacar que o Auxílio Gás é um benefício depositado com o Auxílio Brasil, ou seja, segue o pagamento de acordo com o número final do Número de Inscrição Social (NIS).

Apesar de serem depositados junto com o Auxílio Brasil, os pagamentos ocorrem de forma bimestral para famílias com renda igual ou inferior a um salário mínimo e também para aquelas famílias em que algum dos integrantes esteja inscrito no Benefício da Prestação Continuada.

Auxílio Brasil de R$ 400

Esse vale gás também é um dos benefícios liberados aos inscritos no CadÚnico.

Ele é um programa social que, como já sabemos, foi criado com a intenção de substituir o Bolsa Família. Atualmente esse benefício está ajudando mais de 18 milhões de famílias nesse momento.



As suas parcelas costumam ser, em média, de R$ 400, no entanto é necessário comprovar uma renda mensal de R$ 150 (extrema pobreza) para ter acesso. Isso ou uma renda mensal de R$ 210.

Além de tudo isso, vale destacar que a liberação do Auxílio Brasil segue o calendário de divulgação conforme o dígito final do número do NIS, então lembre-se bem disso.

Tarifa Social de Energia Elétrica

Por último, outro benefício que separamos aqui e que as pessoas inscritas no CadÚnico podem ter acesso, é o  da Tarifa Social de Energia Elétrica. Os cidadãos serão beneficiados com um desconto no boleto da conta de energia.

O que vale destacar é que, além de estarem inscritos no CadÚnico, é necessário que algum membro da família faça parte do Benefício da Prestação Continuada (BPC) para ter acesso a esse benefício.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário