scorecardresearch ghost pixel



ALERTA: R$ 9,2 bilhões não sacados do FGTS serão devolvidos pela Caixa

Valores depositados são liberados para movimentação por um prazo de até 90 dias. Veja o que fazer para reaver os recursos devolvidos.



Trabalhadores incluídos na modalidade de repasse do saque extraordinário do FGTS poderão ficar sem o dinheiro do recurso em breve. Isso porque a Caixa Econômica Federal inicia neste sábado, 6, a devolução dos valores de até R$ 1 mil creditados automaticamente em conta digital do aplicativo Caixa Tem.

Leia mais: Quanto você recebeu de lucro do FGTS? Veja como consultar pelo celular

Ao todo, aproximadamente R$ 9,2 bilhões retornarão para as contas do FGTS, com correção monetária. De acordo com a lei, os valores depositados são liberados para movimentação por um prazo de até 90 dias, considerando o calendário de pagamentos oficial da modalidade.

Nesse sentido, recursos não sacado acabam retornando para as contas do FGTS e só poderão ser resgatados em outras condições previstas em lei, como em caso de doença grave, compra da casa própria, aposentadoria, demissão sem justa causa e mais.



Em se tratando dos cidadãos que movimentaram o saque extraordinário, independente do valor, estes não terão o saldo remanescente devolvido às contas vinculada do FGTS, com o valor restante disponível no Caixa Tem.

Solicitação dos valores mesmo após a devolução

No geral, durante o calendário de pagamentos, foram liberados R$ 30,1 bilhões para cerca de 73,7 milhões de trabalhadores elegíveis ao saque extraordinário do FGTS. Aqueles que tiverem os valores devolvidos de forma automática para a conta do FGTS ainda terão mais uma chance de resgatar o dinheiro.

De acordo com a Caixa, os brasileiros que ainda quiserem utilizar o crédito extraordinário têm até o dia 15 de dezembro deste ano para realizar uma nova solicitação através do aplicativo FGTS. Depois do pedido, o valor liberado será depositado novamente na conta digital do Caixa Tem no prazo máximo de 15 dias.



Assim que o valor é creditado, ele poderá ser utilizado como o trabalhador deseja, seja em transações eletrônicas, saque em espécie, transferência, compras, etc. O único impedimento são os valores bloqueados na conta do FGTS, seja por determinação judicial, inconsistência nos dados ou uso do saldo na antecipação do saque-aniversário.

Atendimento FGTS

Para tirar qualquer dúvida a respeito do saque extraordinário do FGTS, o trabalhador deve acessar o app FGTS e tocar no menu “Saque Extraordinário”.

Outros canais oficiais da Caixa, como o número 4004-0104 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800 104 0104 (demais regiões), também estão disponíveis para atendimento.




Voltar ao topo

Deixe um comentário